Mídias Sociais

Política

Pesquisa do ISP revela que números da violência em Casimiro de Abreu estão menores do que em 2018

Avatar

Publicado

em

 

A Prefeitura de Casimiro de Abreu divulgou nesta quinta-feira, 11, o resultado dos investimentos feitos na área de Segurança Pública, revelando dados da pesquisa do Instituto de Segurança Pública (ISP) do Rio.

De acordo com o governo municipal, os dados destacam que, no 1º semestre de 2019, entre os meses de janeiro e junho, os índices de violência no município diminuíram em relação ao mesmo período do ano passado.

A pesquisa do ISP aponta que, nos primeiros 6 meses do ano, os roubos de rua caíram 51%, os homicídios dolosos, 33%, e os roubos de veículos, 9%. A atual gestão, iniciada em janeiro de 2017, recorda que, em março deste ano, foram inauguradas as duas Centrais de Monitoramento, uma em Casimiro e outra em Barra de São João.

“As imagens, prontamente disponibilizadas às polícias, Civil e Militar, auxiliaram em várias operações, conseguindo evitar o furto à agência do Banco do Brasil de Casimiro de Abreu”, ressaltou a prefeitura.

Em novembro de 2018, a prefeitura, por meio da Secretaria de Ordem Pública e Defesa Civil, também retornou com o Programa Estadual de Integração na Segurança (PROEIS), que possibilita o trabalho de policiais militares em seus dias de folga, atuando junto à Guarda Municipal.

Na área subordinada ao 32º Batalhão de Polícia Militar (32º BPM), sediado em Macaé, Casimiro de Abreu contaria, graças ao PROEIS, com o acréscimo de 90 policiais militares por mês reforçando o trabalho das rondas.

“Trabalhamos diariamente buscando bons resultados. Além do PROEIS, a guarda está atuando com 7 veículos novos desde abril deste ano. No início deste mês, entregamos também novos uniformes, que identificam e organizam nossa equipe”, lembrou o secretário de Ordem Pública e Defesa Civil de Casimiro de Abreu, Sérgio Moizinho.

De acordo com o inspetor chefe do setor de Inteligência da 121ª Delegacia de Polícia Civil (121ª DP), Adriano Moreira, a queda nos índices se deve às parcerias e ao bom relacionamento entre a prefeitura e as polícias, Civil e Militar.

Mais lidas do mês