Mídias Sociais

Polícia

Suspeito de homicídio agride policiais ao ser preso em Casimiro de Abreu

Publicado

em

 

Ele foi recolhido à carceragem da 121ª Delegacia de Polícia, onde ficou preso aguardando transferência para o sistema penitenciário

Bertha Muniz
Um homem acusado de cometer um assassinato foi preso na madrugada de quarta-feira (30), em Casimiro de Abreu, na Baixada Litorânea. Segundo a Polícia Militar (PM), agentes foram até uma residência localizada na Rua Benedito Pio, no distrito de Professor Souza, para verificar uma ocorrência de lesão corporal. No local, os militares foram recebidos a chutes pelo acusado, identificado como Joni Oliveira da Silva, de 29 anos. Ele chegou a danificar a viatura da PM na hora da ação.
De acordo com a polícia, o suspeito tentou fugir após a agressão, mas foi capturado em seguida com a ajuda de populares. Após consultas ao sistema da Polícia Civil foi constatado um mandado de prisão em aberto contra Joni pelo crime de homicídio, expedido pela Vara Única de Silva Jardim.
Ao receber voz de prisão, o acusado deu um soco em um dos militares envolvidos na ocorrência e, segundo a polícia, em um ataque de fúria começou a xingar e chutar as viaturas. Ele chegou a ser levado para o Hospital Municipal de Casimiro de Abreu, onde recebeu primeiros socorros e depois foi levado para a 121ª Delegacia de Polícia, onde ficou preso aguardando transferência para um presídio no Rio de Janeiro.

Mais lidas da semana