Mídias Sociais

Destaque

Caixão quebra e corpo cai dentro de cova durante enterro em São Pedro da Aldeia; assita

Publicado

em

 

Uma situação fora do comum aconteceu nesta segunda-feira (22), em São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos. Durante um enterro no Cemitério Municipal da cidade, um caixão se quebrou, o que ocasionou o deslocamento do corpo e a visualização do mesmo pelas pessoas presentes. A situação gerou revolta e indignação em quem estava no local que, em vídeos divulgados nas redes sociais, afirmaram que a cova seria pequena e estreita, o que seria o motivo principal da quebra o caixão.

Nas imagens também é possível ver que o corpo do homem, identificado como Osmar Leal, de 50 anos, teve que ser reposicionado do esquife, que precisou ser amarrado com cordas para que fosse, por fim, enterrado. Ainda durante o vídeo é possível ouvir momento onde familiares falam sobre a falta de cuidado dos servidores do cemitério.

“Deixaram cair o caixão, quebraram o caixão e agora estão colocando o corpo de volta. Isso não se faz”, fala uma pessoa não identificada.

“Tem que reparar esse erro ai! Quem não sabe trabalhar sai e dá a vaga pra outro”, é dito durante um trecho do vídeo. Na continuação das imagens é possível ouvir familiares comentando indignados que em um “momento de tristeza da família e ainda tem que ver a pessoa assim?”, se referindo ao momento que o corpo era recolocado dentro do caixão.

Vítima foi identificada como Osmar Leal, de 50 anos.

Nas redes sociais, a companheira do falecido, Lucia Passos externou sua indignação: ” É um descaso com o pai dos meus filhos sendo tratado como um animal. Não é um caixão da prefeitura. Foi tudo particular e os funcionários da prefeitura quebraram o caixão com uma cova menor que não cabia. O corpo ficou caído para fora do caixão na cova e com todos olhando. O rosto dele estava na terra. Ainda tiveram que amarrar o caixão com corda para enterrar”, relatou a Lucia.

A família ainda comentou que vai a delegacia da cidade registrar um boletim de ocorrência.

Prefeito comenta o caso

No início da tarde, o prefeito de São Pedro da Aldeia, Fábio do Pastel se manifestou nas redes e afirmou que está investigando o ocorrido: “Foi com profunda tristeza e desapontamento que recebi a notícia do ocorrido hoje no Cemitério Municipal. Me solidarizo com a família enlutada e registro aqui o compromisso de investigar o ocorrido e de tomar as medidas cabíveis.”

A situação provocou consternação e revolta na cidade e nas redes sociais. Há informação de que o cemitério da cidade está superlotado, realidade que foi agravada pela pandemia da Covid-19. A prefeitura ainda não se posicionou oficialmente sobre a caso.

Mais lidas da semana