Mídias Sociais

Política

Vereador de Cabo Frio entra com pedido de impeachment do prefeito Marquinho Mendes

Publicado

em

 

A Prefeitura informou que o Prefeito ainda não foi notificado sobre o caso. 

O vereador Vanderlei Bento anunciou que entrou com um pedido de impeachment do prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes. A informação foi divulgada no mesmo dia em que a polícia Federal esteve na Prefeitura de Cabo Frio para convidar o Prefeito Marquinho Mendes a prestar esclarecimentos sobre os desvios na Comsercaf.

Sobre o impeachment, o vereador Vanderlei Bento, em postagem feita em suas redes sociais, informou que o pedido foi baseado em artigos da lei.

“Está no decreto lei 201 de 67, no artigo 4º, que fala: São infrações político-administrativa dos prefeitos municipais, sujeita a julgamento pela Câmara dos vereadores e ser sanciona com a cassação do mandato. E dentro deste artigo estão os itens. Dentro deles está um, que em especial que me marcou: Proceder de modo incompatível com a dignidade do decoro do cargo”, explicou o vereador, reforçando que o atual governo perdeu toda sua credibilidade.

Dando continuidade à sua justificativa, Vanderlei destacou ainda que segundo a lei orgânica municipal. A lei fala sobre a pratica contra lei ou omissão a pratica daqueles de sua competência. Com isso, o vereador reforçou a omissão do Prefeito com relação aos desvios da Comsercaf.

“Eu só vi o prefeito se omitindo a sangria dos cofres públicos, que está acontecendo em Cabo Frio até hoje. Veio para a Câmara Municipal, a qual os vereadores mudaram, um aumento de 100% do orçamento da Comsercaf. Pra mim, ele não só se omitiu a operação Basura, ele também fazia parte de todo esse esquema”, desabafou Vanderlei, que listou ainda que Marquinho Mendes tem 800 processos eleitorais, 400 condenações no tribunal de contas, além do processo 101, que acusa Marquinho Mendes de oferecer propina por apoio político.

Para finalizar, o vereador fez uma lista de ações que poderiam ser feitas com os 60 milhões desviados, por meio da Comsercaf. Entre elas, estava a possibilidade de pagar três folhas de pagamento, o décimo terceiro salário dos servidores, a pavimentação de todo o 2º Distrito, entre outras inúmeras possibilidades em prol de Cabo Frio.

O pedido agora será encaminhando para análise técnica da Procuradoria da Casa Legislativa. Caso aprovado, seguirá os demais tramites da Casa até a chegada a votação.

Por meio de nota, a Prefeitura de Cabo Frio informou que o Prefeito ainda não foi notificado sobre a ação.

 Prefeito deve prestar depoimento nesta semana – O Prefeito Marquinho Mendes foi convocado pela Polícia Federal para depor sobre o esquema de fraude envolvendo a Comsercarf, autarquia responsável pela limpeza pública da cidade.

O Prefieto deve comparecer à sede da Polícia Federal, em Macaé, nesta quinta-feira, 14, às 15h.

 

 

 

Mais lidas da semana