Mídias Sociais

Política

Programa Macaé Cidadão segue gerando debate entre vereadores macaenses

Avatar

Publicado

em

 

Em debate sobre projeto do Executivo que cria Programa Macaé Cidadão, líder do governo na Câmara de Macaé, Julinho do Aeroporto (PMDB), defende que projeto corrige injustiças

O líder do governo na Câmara de Macaé, Julinho do Aeroporto (PMDB), voltou a defender, em sessão desta quarta-feira, 25, o Projeto de Lei 002, de 2018 (PL002/18), que cria o Programa Macaé Cidadão.

Segundo ele, a proposta, de autoria do Executivo, corrige uma injustiça ao restringir a passagem a 1 real apenas a moradores da cidade, além de permitir que a prefeitura possa coibir o uso do benefício por pessoas que não necessitam dele.

“Não é justo o governo pagar R$ 2,07 para quem não reside aqui. Campos acabou com o programa da passagem a 1 real porque não aguentava mais [pagar]. O projeto não é ruim. Se a gente sair daqui agora, os 15 vereadores, nós vamos pagar 1 real na passagem, e o governo vai pagar os outros R$2,07. Agora eu pergunto, vocês acham isso justo?”, questionou o parlamentar.

De acordo com Julinho, o projeto pode não ser perfeito, mas corrige num momento de crise que não apenas o governo municipal atravessa, mas também todo o Estado do Rio de Janeiro e até mesmo o país.

O vereador aproveitou a 1ª discussão do PL002/18 para alfinetar os parlamentares da oposição, que criticaram a concessionária do transporte público municipal, Serviço Integrado de Transporte (SIT).

“Fala em defesa dos trabalhadores, mas e se a SIT falir? Vamos supor que a SIT faliu hoje. São 1.100 trabalhadores que ficam desempregados; 85% são macaenses. E não são só 1.100 trabalhadores, são 1.100 famílias. E aí, como é que fica? A SIT está aí. Está operando. Em Campos teve licitação, mas a empresa que ganhou não teve condição de atender porque os valores ficaram muito altos. Vai lá ver como está um caos o transporte público. O projeto do governo não é perfeito, mas vamos discutir para tentar melhorar. Não existe projeto perfeito”, analisou.

Clique Diário

E. L. Mídia Editora Ltda
CNPJ: 09.298.880/0001-07
Redação: Avenida Atlântica, 2.500, sala 22 – Cavaleiros – Macaé/RJ

cliquediario@gmail.com
(22) 2765-7353

Mais lidas da semana