Mídias Sociais

Política

Comissão da Firjan enaltece resultado do leilão e futura concessionária do Aeroporto de Macaé

Avatar

Publicado

em

 

Entrega das obras do Aeroporto de Macaé (foto), na última terça-feira, 12, foi lembrada pelos membros da Comissão Municipal da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), ao elogiarem resultado do leilão que aconteceu em São Paulo nesta sexta-feira, 15

Após a Zurich Airport vencer o leilão de concessão dos aeroportos do Bloco Sudeste, que ofertava os aeroportos de Vitória, capital do Espírito Santo, e de Macaé, a Comissão da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) elogiou o leilão, realizado em São Paulo nesta sexta-feira, 15.

O coordenador da Comissão Municipal da Firjan de Macaé, Evandro Cunha, comemorou o resultado e a vitória da empresa suíça, que sozinha arrematou o bloco com uma oferta de 437 milhões de reais.

“Consideramos excelente! A Zurich é uma das principais empresas de logística aérea do mundo e seus representantes já estiveram aqui na cidade. Nossa expectativa, a curto prazo, é que os voos comerciais sejam retomados o mais breve possível”, analisou Evandro.

Outro a elogiar o resultado do leilão foi o coordenador de conteúdo estratégico da Gerência de Petróleo, Gás e Naval da Firjan, Thiago Valejo, que ressaltou que a concessão é importante para na retomada da atividade na Bacia de Campos.

“Com o resultado do leilão, a região pode, em muito, se beneficiar do retorno das operações do Aeroporto de Macaé, que deve impulsionar ainda mais a atividade econômica local”, avaliou Thiago Valejo.

A Firjan lembra que a revitalização do Aeroporto de Macaé é um pleito antigo dos empresários da cidade e a Comissão Municipal da Firjan em Macaé, em conjunto com outras instituições empresariais, como a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), e atuando junto a políticos da região, teve papel fundamental nesse processo.

“Graças a essa mobilização, o Aeroporto de Macaé entrou na pauta do Ministério dos Transportes e teve o terminal de passageiros e a pista reformados”, ressalta a Comissão Municipal da Firjan em Macaé.

A inauguração das novas instalações do Aeroporto de Macaé aconteceu na manhã da última terça-feira, 12, com a presença de autoridades, representantes do governo federal e municipal, do Legislativo estadual e municipal, além da Infraero, da Agência Nacional de Aviação Civil e de companhias aéreas, frutos de investimentos de aproximadamente 90 milhões de reais.

Com a conclusão dos trabalhos, o novo terminal de passageiros passou a ter área de 10.200 mil metros quadrados (m²), quase 20 vezes maior que o espaço antigo, de 540 m², passando a ter uma capacidade de processamento de passageiros ampliada para até 2,1 milhões de passageiros por ano, 6 vezes maior que a anterior.

Além da ampliação do terminal, também foram realizadas a pavimentação dos acostamentos da pista e a implantação do sistema de drenagem, balizamento noturno, sinalização horizontal e sinalização vertical.

O aeroporto  tem suas atividades ligadas principalmente ao apoio à exploração de petróleo em alto mar, recebendo diariamente helicópteros  que transportam trabalhadores para as  plataformas localizadas em toda Bacia de Campos.

“A longo prazo, esperamos que haja mais investimentos por parte da empresa vencedora, principalmente na construção de uma nova pista, que suporte a aterrissagem de aeronaves maiores”, disse Evandro Cunha.

A Azul Linhas Aéreas, antiga operadora dos voos regulares do aeroporto, mas que desde 2015 deixou de prestar o serviço por problemas de estrutura da pista, já se mostrou interessada em retomar os voos regulares ainda este ano.

Mais lidas do mês