Mídias Sociais

Destaque

Foragido da Justiça por matar o cunhado é preso após filha denunciar ser vítima de abuso sexual e cárcere privado em Rio das Ostras

Bertha Muniz

Publicado

em

 

A ação foi deflagrada pelo Delegado Titular da 123ª DP de Macaé, Dr. Evaristo Pontes, após a vítima comparecer a unidade policial.

A Polícia Civil capturou, na última sexta-feira (24), no bairro Âncora, em Rio das Ostras, um homem de 42 anos, que estava foragido da Justiça desde o ano de 2004, após ter fugido do presídio onde estava cumprindo pena pela prática do crime de homicídio qualificado contra seu próprio cunhado.

O criminoso, identificado como Francisco de Assis Oliveira da Silva, também é acusado de manter a própria filha em cárcere privado, abusando sexualmente da menor, e também pelo homicídio da esposa.

A ação foi deflagrada pelo Delegado Titular da 123ª Delegacia Policial de Macaé (123ª DP), Dr. Evaristo Pontes, após investigações que foram iniciadas quando agentes da unidade policial receberam uma denúncia da filha de Francisco, de 15 anos, que compareceu até a sede da 123ª DP, na companhia de uma tia, onde além de denunciar o paradeiro do foragido, também noticiava que sofria violência sexual, praticada pelo seu pai desde os 9 anos de idade.

O Inquérito Policial foi instaurado para investigar os graves fatos relatados pela menor e todas as medidas legais, investigativas e protetivas cabíveis em relação a adolescente, foram imediatamente tomadas, inclusive a captura do foragido, que agora também é investigado pelo crime de Estupro de Vulnerável da própria filha ainda enquanto criança.

Em declarações prestadas em sede Policial acompanhada da tia, a adolescente relatou que além da violência sexual, era proibida de estudar e até mesmo de ter contato com pessoas externas, pois Francisco temia ser descoberto.

A tia e a adolescente relataram que há seis anos não tinham contato e somente na última quarta-feira (22), a adolescente conseguiu fugiu da casa do pai e foi em busca de familiares onde encontrou uma tia em Macaé.

Ainda segundo noticiado pela vítima e por sua tia, Francisco, seria o autor do homicídio da mãe da menor ocorrido no ano de 2014, fato, que segundo a Civil, está sendo investigado. O criminoso foi levado para a 123ª DP, de onde foi encaminhado ao sistema penitenciário. A adolescente está sobre a tutela provisória da tia.  Assista ao vídeo:

 

Mais lidas da semana