Mídias Sociais

Esporte

Flamengo se prepara para assédio sobre seus jogadores na janela do meio do ano

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Protagonista da janela de transferência do início do ano, o Flamengo pode viver o outro lado da moeda agora no meio da temporada. O Rubro-Negro se prepara para um eventual assédio sobre suas principais estrelas e também a possibilidade de perder jogadores agora no meio do ano. Um que deve receber proposta é o volante Cuéllar, um dos principais destaques do Flamengo em 2019.

Cuéllar vem sendo o jogador mais regular do Flamengo já há um bom tempo. Em 2019, ele é um dos principais nomes da equipe ao lado de Rodrigo Caio. As boas atuações com a equipe carioca fizeram o jogador ser observado por clubes europeus, o que já gera expectativa nos bastidores do clube.

O Flamengo espera a chegada de alguma proposta concreta pelo jogador para se movimentar. Nos bastidores, há um entendimento que a participação do atleta na Copa América deverá chamar a atenção de outros clubes. Diante desse cenário, o Rubro-Negro trabalha em compasso de espera para começar a agir.

Caso uma proposta seja apresentada ao jogador, o Flamengo tentará em um primeiro momento cobrir a oferta, já que perder o atleta não está nesse momento nos planos do clube. Caso seja uma oferta irrecusável, o Rubro-Negro não terá muito o que fazer e ficará de mãos atadas na negociação. Internamente, um valor considerado aceitável para dar início as conversas giram em torno de 10 milhões de euros.

Atualmente Cuéllar não está nem entre os dez maiores salários do Flamengo, fato que pode gerar certa insatisfação no jogador. A diretoria está atenta a isso e sabe que será preciso uma valorização em caso de oferta para tentar convencer o jogador a ficar. A ideia de valorizar o colombiano já vem sendo discutida.

Enquanto as propostas não chegam, Cuéllar e o restante do elenco seguem se preparando para o duelo do próximo domingo (26) contra o Atlético-PR pelo Campeonato Brasileiro. A partida será disputada às 16 horas no Maracanã. O colombiano é dúvida por ter sofrido uma entorse no tornozelo contra o Atlético-MG. Ele está fazendo fisioterapia para saber se terá condições de jogo.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana