Mídias Sociais

Esporte

Arão fala sobre semana de trabalho com Domènec e estreia no Brasileiro

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

O Flamengo está passando por um período de adaptação. Após a saída de Jorge Jesus, o Rubro-Negro chegou a um acordo com Domènec Torrent. O espanhol tem ideias diferentes das aplicadas pelo português e que exige que os jogadores se adaptem ao novo estilo de trabalho e principalmente a nova forma de jogar da equipe.

O assunto foi tema da coletiva de imprensa desta sexta-feira (7). O escolhido pelo clube para falar com os jornalistas foi Willian Arão. O jogador admitiu existir diferenças entre os trabalhos dos treinadores, mas afirmou que irá buscar se adaptar o mais rápido possível.

"Não sei o que ele conhecia do meu trabalho, de que forma vou continuar jogando. Se são as mesmas ideias, os mesmos movimentos. A gente não sabe ainda. A gente sabe que existem algumas diferenças, algumas mudanças, mas não vou falar porque temos um jogo domingo. Vou tentar me adaptar. Não só eu, como o time todo, para que a gente permaneça nesse caminho de vitórias", disse Arão.

Apesar de admitir diferenças, Arão evitou aponta-las durante o bate-papo com os jornalistas. "São metodologias diferentes, ideias diferentes. Acredito que inevitavelmente vamos sofrer uma mudança, ter alguma coisa nova. Esperamos nos habituar. Tivemos uma semana de trabalho, e o que esperamos é nos adaptar o mais rápido possível e entender aquilo que ele quer, para que a gente possa colocar em prática e buscar a vitória e os títulos", afirmou.

O Flamengo fará a sua estreia no Campeonato Brasileiro neste domingo, às 16h, diante do Atlético Mineiro, no Maracanã. Arão afirmou que será um jogo difícil diante de um dos favoritos ao título, mas que acredita que o Rubro-Negro tem totais condições de arrancar bem na competição nacional.

"Uma grande equipe. Com movimentos bem incisivos. Jogamos contra eles, contra o Santos do Sampaoli, e imaginamos que muitos movimentos vão se repetir. Esperamos que seja um grande jogo, esperamos anular os pontos fortes deles para que possamos sair vencedores. Tentar nos impor como fizemos no ano passado", encerrou o jogador.

Foto: Alexandre Vidal

Mais lidas da semana