Mídias Sociais

Educação

Número de alunos matriculados em 2018 cresce em Carapebus

Publicado

em

 

Pouco mais de 3 mil estudantes, do Maternal I a Educação de Jovens e Adultos (EJA), frequentarão as escolas de Carapebus a partir do dia 5 de fevereiro. 

A Secretaria Municipal de Educação de Carapebus registrou um aumento de 30% no número de  alunos matriculados na rede pública. São pouco mais de 3 mil, do Maternal I a Educação de Jovens e Adultos (EJA), que frequentarão as escolas da rede municipal a partir do dia 5 de fevereiro, quando se inicia o ano letivo.

A vice-prefeita e secretária de Educação, Marinete Possidônio explica que esse aumento surgiu com a criação de duas turmas de Maternal I (2 anos) na Escola Salim Selem Bichara e de três turmas na Luiz Carlos Fragoso.

Além dessas novas turmas, a Secretaria de Educação ampliou o atendimento da EJA. A partir deste ano, o ensino será reativado no período noturno, na escola Francisco Borba em Morrinhos e também implantado na escola Camboim em Ubás.

“Christiane e eu sempre defendemos a necessidade de oferecer condições para nossa população. Isso passa pelo ensino, quando oferecemos novas vagas no maternal, permitindo que as mães possam trabalhar, ajudando no orçamento familiar. Elas sabem da qualidade do ensino, do profissionalismo e carinho de cada funcionário que está na creche trabalhando com seu filho”.

A secretária detalha também que, a criação de duas turmas do EJA no período noturno foi para atender a necessidade do carapebuense que precisa estudar para se qualificar e ao mesmo tempo trabalhar.  Outra novidade anunciada pela secretária de Educação é de que as séries da EJA foram ampliadas passando de 5ª a 8ª fase para a de 1ª a 8ª fase. As matrículas permanecem abertas para atender quem ainda não realizou. A ordem da prefeita é não deixar nenhuma criança ou adulto fora da sala de aula.

Para complementar essas melhorias, a Secretaria de Educação já está elaborando para a abertura do ano letivo no dia 1º de fevereiro uma palestra sobre educação, onde todos os profissionais da área receberão atualizações do setor. No dia 2, os educadores retornarão as suas respectivas escolas para elaborarem em conjunto com a equipe pedagógica todo o planejamento para o ano letivo de 2018. As aulas iniciarão no dia 5 de fevereiro.

Da Redação

Mais lidas da semana