Mídias Sociais

Caderno D

Quarta também é dia de diversão em Macaé

Avatar

Publicado

em

 

É da nossa cultura a gente se organizar para curtir bons programas nos finais de semana. A sexta-feira é conhecida em todo o país, como o dia oficial do Happy Hour, mas em Macaé essa realidade vem mudando. Com tanto entretenimento, o sábado e domingo ficou restrito e atualmente, é possível se divertir muito durante a semana, o que é ótimo, pois relaxa a rotina estressante que muitos enfrentam e torna a cidade mais ativa, o que é muito bom em vários sentidos. Desde a qualidade de vida que melhora, até a economia que circula com mais facilidade, hoje podemos observar que as pessoas que se interessam pelo entretenimento da cidade, que produzem eventos, vem crescendo. A prefeitura de Macaé é também um exemplo nesse sentido, já que possui uma equipe no setor cultural, muito engajada.

Sobre a agenda cultural da cidade, podemos destacar a quarta-feira como o novo dia de lazer em Macaé. Se divertir no meio da semana já está começando a fazer parte da rotina do macaense, que tem muitas opções em plena quarta. O Bico da Coruja é sempre uma ótima pedida para ouvir música de qualidade e um outro programa bem bacana é conferir de pertinho as edições do projeto ‘Benê Lá’, criado pela Fundação Macaé de Cultura(FMC) e que tem como intenção, apresentar toda quarta-feira, na Praça Jorge Marins, em frente ao Mercado de Peixes de Macaé, diversas atrações. Muita poesia, música de primeira, barraquinhas com petiscos deliciosos, bebidinhas ótimas e cantos especiais com toda a arte dos artesão da cidade, tem como inspiração o flautista macaense Benedito Lacerda, que com a sua importância na história da cidade, fomenta a criação de eventos muito especiais para a cultura local.  "A arte em primeiro lugar, essa interação é maravilhosa, quando li sobre o projeto nas redes sociais, não pude deixar de comparecer",pontuou Angélica Luna, presente no evento.

Na parte musical, o projeto conta com a participação do grande Grupo de Choro da Escola Municipal de Arte Maria José Guedes(EMART), que faz parte da programação fixa.

O evento é uma ótima oportunidade de curtir um bom chorinho, comer muito bem, e relaxar num espaço criado com a intenção de apresentar a população da cidade, as pérolas da cultura local e que devido a iniciativa de pessoas criativas, agora também é um espaço onde o entretenimento de qualidade acontece. “Cada edição é marcada por uma "arte" nova, essa é, exatamente a intenção do BenêLá, a interação tendo como principal objetivo a história do nosso ilustre Benê, como era chamado entre amigos”, conta Tânia Jardim, presidente da FMC.

A partir das 17h começa a programação e vale muito uma escapadinha da rotina para conferir esta belo projeto.

Mariana Abrantes

Mais lidas da semana