Mídias Sociais

Sem categoria

Neste sábado Búzios comemora 21 anos de emancipação politico administrativa

Avatar

Publicado

em

 

Há 21 anos a cidade mais famosa da Região dos Lagos e referência em turismo em todo o país, Armação dos Búzios, ou apenas Búzios, como é mundialmente conhecida, deixava de ser o 3º distrito de Cabo Frio e passava a ser um município independente, emancipando-se política e administrativamente.

Localizada a cerca de 170 quilômetros da capital a autonomia de Búzios veio em 1995 e desde então vem passando por obras de infraestrutura constantes, visando a melhorias das condições de vida na cidade e dos aspectos visuais, direcionados para ampliação de sua atividade turística. No entanto, nesse um pouco mais de duas décadas foram grandes os desafios, alguns se estendendo por anos, e outros mais recentes, que estão pondo a cidade nesse momento em que entra na maior idade definitiva em uma encruzilhada para repensar suas escolhas como município e os rumos que tomará como destino turístico e sociedade.

A emancipação veio e em 1996 o povo elegeu no voto popular o Prefeito Delmíres de Oliveira Braga, O Mirinho, nativo, filho de pescador, conduziu a cidade até o ano de 2000. Em 2001 mais um “filho da terra” – como se diz na cidade, chegou à cadeira de prefeito, o ex-pescador Toninho Branco, que governou por apenas um mandato e foi sucedido novamente por Mirinho, que governou de 2009 a 2012, não conseguindo se reeleger.  O atual prefeito de Búzios é André Granado, mais conhecido como Dr. André natural de Nova Iguaçu, Médico, eleito em 2012 pela primeira vez , e reeleito novamente  em 2016, é o primeiro cidadão de Búzios nascido em outra cidade a governar o jovem município.

Desejo de valorização

Anunciado oficialmente pela primeira vez na Câmara de Cabo Frio em 1985, com presença de representantes das famílias tradicionais de Búzios, como seu Rafael Braga, Da Gil, Daniel Bertoldo, entre tantos que emprestaram sua credibilidade à causa, o movimento Pró Emancipação cresceu e também trouxe para o processo ativistas políticos como Toninho Português, Marcos Canhedo e Manuel Gomes.  Também é preciso lembrar nomes como o arquiteto Otavio Raja Gabaglia (Otavinho), vereador na época e autor da Lei que limita a construção de apenas dois andares em Búzios, e o empresário Umberto Modiano.

De pacata vila de pescadores que se destacava pelas belezas naturais começou a ser descoberta pela elite carioca dos anos 40. Em 1964 ganhou fama internacional com a visita ilustre da atriz francesa Brigite Bardot.  Até 1970, Búzios não tinha água encanada e outros equipamentos básicos de infraestrutura. Nos dias de hoje, esta cidade recebe um milhão e meio de turistas por ano.

Cerca de 400 hotéis e um comércio forte voltado para a área de gastronomia e serviços  fazem da cidade uma potência turística. Só na Rua das Pedras, são 135 lojas dos mais diversos produtos. Com a exuberância de 23 praias, a cidade foi eleita o melhor destino sol e praia do mundo. Motivo de orgulho hoje para quem mora onde muitos escolhem passar as férias.

Entre os principais desafios atuais estão: o tratamento e destino correto do esgoto, a já conhecida especulação imobiliária, e agora a tão falada mobilidade urbana.

 

Mais lidas da semana