Mídias Sociais

Destaque

Policiais militares do Rio poderão registrar ocorrências de crime de menor potencial ofensivo

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Sistema de Ocorrência Virtual (SOVi) do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) foi lançado pelo governo do Estado nesta segunda-feira (10). 

O governador Wilson Wiztel participou, nesta segunda-feira (10), do lançamento do Sistema de Ocorrência Virtual (SOVi), no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC),  uma ferramenta que integra as polícias Militar e Civil. O SOvi pretende agilizar os registros de ocorrências de crimes considerados menos graves como brigas de vizinhos, injúria , difamação e pequenos delitos.

Por meio da ferramenta, o policial militar vai preencher a ocorrência em uma plataforma digital, no local do fato, e transmitir o formulário para a delegacia da área, onde o delegado formalizará o registro. Imediatamente, tanto as pessoas envolvidas quanto o policial militar vão receber, por e-mail, uma cópia daquele registro e não será mais necessário ir até a delegacia.

De acordo com o porta-voz da Polícia Militar, Mauro Fliess, o novo processo irá agilizar o trabalho e garantir mais policiais nas ruas. O projeto piloto começou pela Ilha do Governador, na avaliação da administração estadual por ser uma área limitada pela Baía de Guanabara, além de ter um batalhão de polícia e uma delegacia.

Mais lidas da semana