Mídias Sociais

Política

Vereador Cesinha é reeleito presidente da Câmara de Macaé em votação tranquila com chapa única

Publicado

em

 

A Câmara Municipal de Macaé reelegeu, na manhã desta segunda-feira, 11, o vereador Cesinha (PROS) como seu presidente para o biênio 2023-2024, porém, com mudanças na mesa diretora da Casa, que terá parlamentares mais experientes, como George Jardim (PSDB), Paulo Paes (UNIÃO) e Zé Prestes (PTB).

O outro parlamentar que compõe a mesa é o vereador de 1º mandato, Professor Michel (PATRIOTA), que segue como 1º secretário da mesa diretora, sendo o único que continua na composição, além, é claro, do presidente da Casa, lembrando que a posse da nova mesa diretora acontecerá a partir de 1 de janeiro de 2023.

A votação acontece de maneira rápida e sem polêmicas, em razão da chapa vencedora ser uma chapa única, sem concorrentes, diferente do que aconteceu na eleição para a atual mesa diretora, quando a chapa de Cesinha derrotou, por 9 a 8, a chapa do ex-vereador Thales Coutinho (PODE), que faleceu em julho de 2021, vítima do coronavírus.

Na eleição para a próxima composição da mesa diretora do biênio 2023-2024, a chapa única saiu vitoriosa com 16 votos, conseguidos, mesmo sem que nenhum vereador que compôs a chapa precisasse defender a candidatura.

Com o resultado, a partir do próximo ano, a mesa diretora da Câmara de Macaé terá como o presidente, Cesinha; como 1º vice-presidente, George Jardim; como 2º vice-presidente, Paulo Paes; como 1º secretário, Professor Michel; e como 2º secretário, Zé Prestes.

“Os pontos positivos que o presidente, no seu exercício da gestão, acumulou nesse 1 ano e 4 meses, não foram do presidente, foram dessa Casa. Dos 17 vereadores, que têm feito o seu papel e que acreditar [com] o voto nos senhores. E por isso, às vezes, nós temos que fazer o papel do fiel da balança. E aí a gente tem que administrar, controlar, e respeitar um para com o outro nessa Casa. E aí quando a gente defende, a gente está defendendo a sociedade. A gente não defende por a gente fazer parte de um lado, ou por fazer parte de outro. Mas não, para a gente poder representar os quase 270 mil habitantes que a gente tem nessa cidade, e que precisam dessa Casa”, falou Cesinha, agradecendo aos colegas de plenária pelos votos recebidos, e enaltecendo o trabalho feito em sua gestão.

A eleição foi realizada de maneira presencial, na manhã desta segunda-feira, em sessão extraordinária que aconteceu no Palácio Natálio Salvador Antunes, no Horto, sede do Legislativo, com a presença do deputado estadual de Macaé, Chico Machado (PSD), do vereador suplente e secretário da Casa Civil, Dr. Luiz Fernando (CIDADANIA), e do secretário adjunto de Saneamento, Ricardo Moreira, irmão de Cesinha.

Mais lidas da semana