Mídias Sociais

Política

Marquinho Mendes garante que continua candidato após recente decisão da justiça

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro decidiu negar o recurso apresentado pelo ex-prefeito de Cabo Frio, Marquinho Mendes, confirmando a condenação imposta pelo Juízo da 2ª Vara Cível de Cabo Frio. No julgamento, que contou com a atuação da 11ª Procuradoria de Justiça de Tutela Coletiva, o Tribunal também deu provimento à apelação apresentada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) para aplicar ao réu as sanções previstas.

Eleição suplementar - Apesar da decisão, Marquinho Mendes ainda tem chances de concorrer a eleição suplementar de Cabo Frio. O novo processo de impugnação do registro da candidatura da chapa formada novamente por Marcos da Rocha Mendes e Rute Schuindt Meireles, foi impugnado e indeferido pelo Juízo da 96ª Zona Eleitoral, com base na Lei da Ficha Limpa. Porém agora aguarda o julgamento pelo TRE-RJ.

Em suas redes sociais, o candidato postou um vídeo informando que a notícia tem como objetivo confundir os eleitores e que ele continua sendo candidato.

"Fui surpreendido a dez dias da eleição, com a sentença do do TJ com um fato administrativo ocorrido em 2005, há treze anos. Sentença essa que cabe recurso e não me torna inelegível. Toda eleição é sempre assim, tentam me ganhar no tapetão. O povo já não aquenta mais isso. Sou candidato, se não fosse não estaria falando com vocês. No dia 24, vamos dar resposta votando no 15", frisou o candidato.


 

Mais lidas do mês