Mídias Sociais

Política

Testagem do coronavírus em bairro de Macaé é adiada para a próxima terça-feira, 4 de maio, por causa das chuvas

Publicado

em

 

A Prefeitura de Macaé informou nesta quinta-feira, 29 de abril, que a testagem para diagnóstico do coronavírus prevista para ser realizada na praça principal do Parque Aeroporto foi transferida para a próxima terça-feira, 4 de maio, no mesmo local, devido às chuvas que caíram no município nesta quinta.

Mesmo com a testagem adiada, o município ressalta que as pessoas que apresentarem sintomas devem procurar 1 dos 3 polos do Centro de Triagem do Paciente da Coronavírus (CTC), no antigo Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas e na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Barra de Macaé, na região central, e no Hospital Público Municipal da Serra (HPMS), em Trapiche, na região serrana.

As novas ações de testagem nos bairros da cidade começaram no início desta semana, com os novos testes de antígeno, indicado por especialistas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), em audiência na Câmara Municipal realizada neste mês de abril.

Segundo a prefeitura, os novos mutirões de testagem em massa estão sendo aplicados nos bairros e localidades de Macaé que apresentam os maiores índices de casos de infecção e óbitos confirmados do coronavírus no município.

“A busca ativa de novos casos é a estratégia adotada pela Secretaria de Saúde com objetivo de agilizar a identificação e isolamento de pacientes positivos, como forma de reduzir a disseminação do vírus na cidade”, explicou o governo municipal.

Com o adiamento da ação no Parque Aeroporto para a próxima terça-feira, os 300 testes de antígeno estarão disponíveis apenas a pessoas com idade entre 18 e 55 anos e que apresentem sintomas característicos da infecção por coronavírus durante 6 dias.

“A estratégia é ampliar a testagem da população, através da busca ativa dos novos casos, nas regiões em que registramos os maiores índices de contágio e de óbitos. O objetivo é identificar o paciente positivo de forma mais rápida, orientar o cumprimento das regras de isolamento, interrompendo o ciclo de contaminação”, explicou, na última segunda-feira, 26, a coordenadora de Vigilância Epidemiológica, da Secretaria de Saúde, Lisa Chagas.
Para a testagem no Parque Aeroporto, Lisa Chagas orientou a população a não promover aglomerações em filas, revelando que os testes serão realizados apenas nas pessoas que apresentarem os requisitos definidos para a busca ativa.

“Quem apresentar sintomas por 6 dias e não conseguir ser testado no bairro deve procurar atendimento em um dos polos do Centro de Triagem do Paciente de Coronavírus (CTC)”, acrescentou a coordenadora de Vigilância Epidemiológica da Saúde.
Ainda de acordo com a prefeitura, a busca ativa de pacientes contaminados pelo coronavírus será realizada em programação semanal, de acordo com os índices avaliados pela Vigilância Epidemiológica da Saúde, mas lembra que os novos testes de antígeno também são aplicados nos 3 polos do CTC, no Jorge Caldas, na UPA da Barra, e no HPMS, na Serra.

Mais lidas da semana