Mídias Sociais

Política

Reforma do Ginásio Poliesportivo e manutenção na iluminação pública seguem no foco da Prefeitura de Macaé

Avatar

Publicado

em

 

Equipes da prefeitura trabalham na recuperação da estrutura do Ginásio Poliesportivo Engenheiro Maurício Soares Bittencourt, na Riviera Fluminense

Equipes contratadas pela Prefeitura de Macaé continuam com a reforma do Ginásio Poliesportivo Engenheiro Maurício Soares Bittencourt, que está em fase de revitalização da parte interna, com os guarda-corpos e escadas sendo recuperados, passando por processo de lixamento e, logo após, pintura.

Segundo a prefeitura, a obra segue o cronograma previsto. Na fase inicial os trabalhadores realizaram a limpeza do local, desmontagem de estruturas que apresentam corrosão e retirada de entulhos, além de já terem sido feitas parte das instalações hidráulicas e elétricas e o reparo estrutural nas rampas.

Para conclusão da obra, ainda resta a cobertura do espaço, além de montagem de subestação elétrica, as coberturas de telha de alumínio, pintura interna e externa, substituições de pisos, estrutura metálica, iluminação, esquadrias, ferragens e vidros, entre outros, e reforma das duas quadras externas.

A prefeitura explica também que a reforma do Ginásio atende à Secretaria de Esportes, que serão mantidas as funcionalidades do espaço, segurança e adequação ao uso público, trabalhos que terão duração de 2 anos.

Iluminação – Vinculada à Secretaria de Infraestrutura, a Coordenadoria de Iluminação Pública de Macaé (Cip) segue com o trabalho de manutenção por todos os bairros da cidade e também da região serrana.

Segundo a prefeitura, a ação é rotineira, acionada pelas solicitações dos moradores e também pelas rondas diárias das equipes pela cidade, e somente em março, foram atendidas 811 solicitações relativas à troca de lâmpadas, reatores e cabeamento/fios.

Ainda de acordo com o governo municipal, a Cip conta hoje com 5 equipes, trabalhando dia e noite, e o coordenador de Iluminação Pública, Marcelo Oliveira, explicou que durante o mês de março foram executadas 1.545 ordens de serviço.

“Atuamos em todo o município, desde o perímetro urbano, como Ajuda de Cima, Miramar e Lagomar; como na região serrana, no Trapiche, Serra da Cruz, Córrego do Ouro e Frade. O apoio da população ao nosso trabalho é fundamental, por isso, fazer as solicitações nos canais corretos nos auxilia a atender às demandas, uma vez que cada pedido gera um número de protocolo específico”, comentou Marcelo Oliveira.

Com objetivo de dar continuidade aos serviços de manutenção e revitalização, a prefeitura informou que concluiu a troca das lâmpadas comuns para as de led, na Praça dos Navegantes, na Barra de Macaé, com postes padronizados iguais aos das orlas da Imbetiba e da Praia do Pecado.

O governo municipal lembra que também foram finalizadas as trocas de lâmpadas e manutenções na Avenida Amaral Peixoto, na altura da Praça Santos Dumont, e em toda a extensão do calçadão da Avenida Evaldo Costa, e que os serviços de substituição das lâmpadas gera economia ao município, uma vez que as lâmpadas de led são mais econômicas e de maior durabilidade.

A Cip também informa que outros pontos ainda aguardam a substituição, porem o cronograma segue, limitado em alguns momentos pelos períodos chuvosos, quando os trabalhadores não podem executar a troca.

Como ainda destaca o coordenador Marcelo Oliveira, por motivos de vandalismo, o município substitui em torno de 80 lâmpadas por mês, totalizando o valor, em média, de 2,5 mil reais por mês, além de cerca de 1,8 mil reais para a substituição de 600 metros de fios, também por vandalismo.

“Além das lâmpadas quebradas, quilômetros de fios usados na iluminação pública são furtados. E é necessário substituir tanto as lâmpadas, como os fios todos os meses”, esclarece o coordenador, que reitera.

Marcelo Oliveira citou ainda os bairros Nova Macaé, Fronteira, Horto e Lagomar como bairros onde houve casos de roubos de fiação, que prejudicam a manutenção da iluminação pública municipal, que é tão criticada.

“Só no mês passado, tivemos fios furtados nos bairros Nova Macaé, Fronteira, Horto e também no Lagomar. Estes recursos poderiam ser investidos em melhorias na rede de iluminação pública do município, como a aquisição de novos postes, uma vez que em Macaé, cidade praiana, os desgastes dos postes, devido à maresia, são mais intensos. Assim, mesmo com políticas públicas eficazes, melhor vigilância e rápida recuperação dos bens vandalizados, é preciso uma transformação de um hábito equivocado e perverso”, concluiu o coordenador.

A prefeitura reforça ainda que o trabalho de manutenção da iluminação pública é contínuo, além oferecer um serviço de atendimento por telefone, através do número 156, para solicitação de reparos.

O canal oferece atendimento de segunda a sexta, das 8h às 19h, e o contribuinte também pode realizar solicitações pelo Disque Luz, que funciona através do número (22) 2791-6793, e também através do número para mensagens via WhatsApp é (22) 99790-1967.

A Cip reforça que também realiza rondas noturnas em praças e vias expressas, além de um trabalho com as associações de moradores, para captar as demandas dos bairros, e que o contribuinte também pode realizar solicitações por meio da própria coordenadoria, pelos telefones (22) 2759-0783 e (22) 2796-1114, das 8h às 18h.

Mais lidas da semana