Mídias Sociais

Política

Rede D’Or inicia as obras de seu novo hospital com expectativa de mais de 2 mil empregos na cidade

Publicado

em

 

O prefeito de Macaé, Welberth Rezende (CIDADANIA), visitou as obras de construção do novo hospital da Rede D’Or, que foram iniciadas nesta quarta-feira, 11, em um terreno localizado na Glória, próximo ao Shopping Plaza Macaé.

Segundo a prefeitura, o início das obras consolida a chegada de novos investimentos privados, reforçando o momento de retomada do desenvolvimento econômico e da geração de trabalho e renda no município, depois do início da pandemia do coronavírus, em março de 2020.

A expectativa é de que as obras da Rede D’Or, maior grupo de hospitais da América Latina, gerem mais de 2 mil empregos, entre o processo de construção e operação da nova unidade, que tem previsão de conclusão em 2024.

“A convite da diretoria da Rede D’Or, estive no canteiro [de obras] do seu hospital em Macaé. O empreendimento vai gerar 1.500 empregos diretos e mais algumas centenas de empregos indiretos em nossa cidade. Esse será o maior hospital privado do interior Fluminense. Além disso, a Rede D’Or vai gerar uma arrecadação anual de aproximadamente 8 milhões de reais em impostos para a municipalidade, o suficiente para construir duas novas escolas por ano”, escreveu Welberth Rezende em sua conta no Twitter.

De acordo com o secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, Rodrigo Vianna, a instalação da Rede D’Or vem Macaé em como complemento ao cenário de qualidade que compõe o que o governo está construindo na cidade, um grande ambiente de negócios, em uma cidade com mais infraestrutura com capacidade de atrair mais parceiros privados e, com isso, mais empregos.

Gerente de expansão da Rede D’Or, o engenheiro Alexandre Burnier explicou que o grupo obteve aprovação dos projetos do município aprovação, e elogiou a liberação do alvará para a nova unidade em tempo recorde.

“Nunca tivemos uma receptividade e abertura de negócios com tanta simplicidade e ligação direta. Esse foi o grande diferencial para que Macaé fosse a escolhida da Região Norte Fluminense do Estado”, contou Alexandre Burnier.

Mais lidas da semana