Mídias Sociais


Política

Procon de Macaé promove ação para fiscalizar preços da gasolina nos postos de combustíveis da cidade

Publicado

em

 

A Secretaria Adjunta de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Macaé iniciou, nesta quarta-feira, 20, ações de fiscalização nos postos de combustíveis da cidade depois de um anúncio da Petrobras sobre a redução do preço da gasolina em suas refinarias.

O anúncio da Petrobras foi feita no dia anterior, nesta terça-feira, 19, e dá conta de que o preço do litro da gasolina cairia de R$ 4,06 para R$ 3,86, representando uma queda de quase 4,93%, embora, pela atual legislação brasileira, os preços dos combustíveis nos postos não tenham relação direta com os preços nas refinarias.

Secretário adjunto de Proteção e Defesa ao Consumidor, Gilcimar Prata lembra também que a redução na bomba acaba sofrendo variação com relação ao preço noticiado pela mídia, devido à mistura do etanol, que não teve o preço alterado.

“Fiscalizaremos os postos de combustíveis no município para verificar se, de fato, houve redução compatível. Porém, sempre é importante frisar que não há tabelamento de preços, cabendo ao consumidor pesquisar e buscar o melhor valor”, explicou Gilcimar Prata.

O gestor do Procon de Macaé acrescentou que o valor final ao consumidor nos postos é maior porque inclui, também, tributos e margens no restante da cadeia. E segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), os preços dos combustíveis está em queda das bombas desde setembro de 2021.

O Procon de Macaé disponibiliza para contato o telefone (22) 2759-0801, e o e-mail, atendimento.procon@macae.rj.gov.br, lembrando que o atendimento presencial na sede do órgão funciona das 9h às 16h, no Centro Administrativo Luiz Osório (Cealo).

Mais lidas da semana