Mídias Sociais

Política

Prefeitura de Macaé promove reparos na RJ-162, na região serrana, e estreita laços para rever convênio com o DER-RJ

Publicado

em

 

Enquanto a Prefeitura de Macaé continua empenhada na campanha de vacinação contra o coronavírus dos profissionais de Saúde que atuam na chamada linha de frente do combate à pandemia, o município também não esquece ações na área de infraestrutura.

Nesta quinta-feira, 28, o governo municipal revelou que uma ação, em conjunto com o Departamento de Estrada e Rodagem do Estado do Rio (DER-RJ) para promover reparos na RJ-162, na altura da reta do Frade, na região serrana do município.

A ação na região aconteceu na mesma semana em que os secretários de Desenvolvimento, Trabalho e Renda, Rodrigo Vianna, e de Mobilidade Urbana, Jayme Muniz, se reuniram para tratar de ajustes em um convênio com o DER-RJ visando implementar melhorias de rodovias no município.

De acordo com o governo municipal, o procedimento, que é uma parceria entre as secretarias Mobilidade Urbana, e de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda, visa agilizar processos de licenciamento e acompanhar a nova demanda da expansão urbana da cidade.

Os reparos na RJ-162, que sofreu com a erosão provocada pelas chuvas que caíram na região serrana no início de 2020, contaram com a instalação de 8 manilhas, além da restauração do asfalto de uma via que recebe caminhões, automóveis e ônibus de passageiros diariamente.

As ações foram realizada pelas equipes das secretarias de Infraestrutura, e de Mobilidade Urbana, além das secretarias adjuntas de Interior, e de Defesa Civil, todas duas vinculadas à pasta de Infraestrutura.

“Através de um trabalho técnico, as secretarias identificaram a necessidade de ampliar os termos que regem o atual acordo em vigor, que autoriza o município a conceder licenças a empreendimentos em processo de instalação nas áreas situadas à margem das rodovias estaduais que cortam Macaé: a RJ-168 e a RJ-106”, explicou a prefeitura.

A prefeitura avalia que, atualmente, Macaé registra a expansão urbana na região da RJ-106, através do Complexo Logístico e Industrial de Macaé (CLIMA), que prevê a instalação de 8 projetos de usinas termelétricas, e mais 3 empreendimentos de loteamentos, nas áreas comercial, residencial e multifamiliar.

O convênio permite o licenciamento de empreendimentos situados na extensão da RJ-106, do trecho entre a Barra de Macaé e o acesso à BR-101, no Trevo dos 40, e a formalização dele conta com o apoio dos técnicos da Mobilidade Urbana.

Mais lidas da semana