Mídias Sociais

Política

Prefeitura de Macaé progride com ações de troca de lâmpadas convencionais por lâmpadas de LED em vários pontos da cidade

Publicado

em

 

A Prefeitura de Macaé continua com os trabalhos para a substituição de lâmpadas amarelas convencionais por lâmpadas de LED na iluminação pública, trabalho que vem sendo feito desde a antiga gestão do ex-prefeito, Dr. Aluízio (sem partido).

As ações são de responsabilidade da Coordenadoria de Iluminação Pública (CIP), que prevê um total de 3 mil unidades de luminárias trocadas, medidas que devem beneficiar 32 bairros e 83 ruas em vários pontos da cidade.

“Já foram executados 52% dos serviços desde o início dos trabalhos em junho. A ideia é oferecer nova iluminação mais econômica, durável e com maior luminosidade”, contou a prefeitura.

Durante a antiga gestão, a prefeitura concluiu a instalação de 12 postes com 3 pétalas e 38 postos com 2 pétalas, usando lâmpadas de LED na Praia do Pecado, além de promover a substituição de lâmpadas convencionais pela nova iluminação na Rodovia Amaral Peixoto (RJ-106), no trecho da ponte Ivan Mundim, e na Praia da Barra de Macaé até a entrada do Lagomar.

De acordo com o município, na atual gestão, as substituições já foram realizadas na Ajuda de Baixo, na Cancela Preta, nos Cavaleiros, no Centro, na Granja dos Cavaleiros, na Imbetiba, no Novo Botafogo, na Praia Campista, na Riviera Fluminense, e no São Marcos, na região central da cidade, além de Areia Branca, da Bicuda Grande e da Bicuda Pequena, na região serrana.

Segundo estimativa da CIP, os trabalhos seguem concentrados nas localidades de Areia Branca, na Bicuda Pequena e na Bicuda Grande, na serra, e no Parque Aeroporto, na Ajuda de Baixo, e na Linha Azul, na região central, totalizando 801 lâmpadas trocadas ao final dessas ações.

A prefeitura reforça que a região serrana ainda contará com a instalação de 435 luminárias de LED nas localidades de Córrego do Ouro, de Trapiche, de Óleo e Trapóleo, de Glicério e do Frade, lembrando que o Sana já conta com a nova iluminação.

De acordo com o coordenador de Iluminação Pública, Marcelo Oliveira, com esse projeto, o governo municipal prevê a redução no consumo de energia elétrica, além de um serviço prestado pelo município com maior qualidade.

“O custo benefício é o maior ganho para o município, e a população, por sua vez, terá mais conforto visual e mais segurança, com melhor luminosidade nas vias públicas contempladas”, acredita Marcelo Oliveira.

Mais lidas da semana