Mídias Sociais

Cidades

Prefeitura de Macaé decreta desapropriação de terrenos para viabilizar Transportuária

Avatar

Publicado

em

 

 

O que era sonho está cada vez mais próximo de se tornar realidade em Macaé. Nesta quarta-feira, 1 de junho, o prefeito de Macaé, Dr. Aluízio (PMDB), esteve em Brasília discutindo formas de viabilizar as obras do porto e a municipalização do aeroporto com o Governo Federal.

Um dia antes, a prefeitura publicou um decreto em seus atos oficiais desapropriando uma área de mais de 1 milhão de metros quadrados para a construção de um importante arco rodoviário na cidade.
Trata-se da Rodovia Transportuária, que sairá do novo porto, em São José do Barreto, e dará mais agilidade ao transporte de cargas e da produção que entram e saem do município, melhorando a logística da indústria do petróleo.

A área de 1.702.209,97 metros quadrados receberá a rodovia, que será construída passando bem atrás de bairros como o São José do Barreto, Ajuda, Parque Aeroporto e Barra de Macaé, ligando o porto à RJ-168, no encontro com a Estrada de Santa Tereza, conectando o porto ao Parque de Tubos e à BR-101, sem que os veículos de carga precisem atravessar o perímetro urbano de Macaé e Rio das Ostras.

Vale lembrar que em 29 de abril, a Prefeitura de Macaé assinou o contrato para o início das obras da Estrada de Santa Tereza, que faz parte deste grande projeto da administração pública na área de logística para a indústria Offshore, que se concluirá com o novo arco viário.

Com 8,5 quilômetros, a Santa Tereza ligará o Parque de Tubos à BR-101, através da RJ-168, o que promete reduzir drasticamente o tempo de transporte de cargas, que não precisará mais passar pela área urbana da cidade.

Mais lidas da semana