Mídias Sociais

Destaque

Prefeitura de Cabo Frio pode demitir funcionários

Avatar

Publicado

em

 

Os efeitos da crise parecem não ter fim em Cabo Frio. Salários atrasados, greves, falta de merenda nas escolas, falta de remédios, falta de médicos, e várias outras coisas que faltam na cidade. Agora, o maior temor dos servidores pode vir à tona: demissões. Como o próprio prefeito Alair Correa (PP) tem dito, a crise gerou uma situação “insustentável”. Com isso, cortes de pessoal se tornarão inevitáveis.

O prefeito não conseguiu realizar o empréstimo de 200 milhões junto ao Banco do Brasil, e com isso, disparou severas críticas aos sindicatos da cidade, em especial o SEPE (educação). E já disse, informalmente, que demissões são possíveis de acontecer. O prefeito fez um comunicado em seu blog, e disse que “os representantes dos sindicatos tornam-se culpados por demissões e por cortes de benefícios que a população venha a sofrer a partir de agora”.

Um ano depois de demitir quatro mil funcionários, novas demissões podem ser anunciadas a qualquer momento. Se isso realmente acontecer, seria a terceira demissão em massa somente este ano. Em janeiro, a prefeitura cortou todos os secretários e coordenadores, incluindo auxiliares de terceiro escalão.

Em março, a prefeitura demitiu todos os comissionados. Segundo Alair, a decisão foi tomada em virtude do “plano de medidas para atravessar a crise financeira”. Até o momento, o prefeito não se manifestou oficialmente. Mas todos já estão em estado de alerta, pois a qualquer momento, tudo pode mudar.

 

Mateus Marinho

Mais lidas da semana