Mídias Sociais

Política

Patrulha Maria da Penha de Macaé muda de endereço e passa a funcionar no Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas

Avatar

Publicado

em

 

A Secretaria de Ordem Pública informou nesta segunda-feira, 2 de março, que a Coordenadoria Patrulha Maria da Penha, que funcionava no Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam), agora está em novo endereço.

Antes sediada na Rua São João, 35, no Centro, ao lado da 123ª Delegacia de Polícia Civil (123ª DP), agora a Coordenadoria Patrulha Maria da Penha passará a funcionar no Centro de Saúde Dr. Jorge Caldas, na Rua Tenente Coronel Amado, 255, também no Centro.

Nesse novo espaço, o contato com os profissionais de segurança que atuam na Patrulha Maria da Penha, serviço que funciona 24 horas e atende mulheres vítimas de violência, pode ser feito pessoalmente e também através dos telefones 0800 282 2108, (22) 2796-1328 e (22) 99826 – 6263, este último que responde via Whatsapp.

“A Patrulha Maria da Penha é um trabalho importante na luta pela diminuição da violência contra a mulher, proporcionando a elas condições favoráveis de fazer a denúncia, promovendo maior segurança e assistência às vítimas”, ressaltou a prefeitura.

Criada em 2017, no dia 8 de maio, data em que se celebra o Dia Internacional da Mulher, a Patrulha Maria da Penha conta com 12 patrulheiros, sendo 3 de plantão 245 horas e, só em 2019, foi responsável por mais de 4 mil atendimentos.

A iniciativa, que já vem sem usada em diversas cidades do Estado do Rio e de várias partes do país, busca a proximidade com a comunidade para atuar na proteção, prevenção, monitoramento e acompanhamento das mulheres vítimas de violência doméstica e familiar no município.

O programa é uma ação da Secretaria de Ordem Pública em parceria com as polícias Militar e Civil, além do Hospital Público Municipal (HPM) e do Ceam, órgão municipal que age como centro de proteção e atendimento à mulher, sempre preservando o sigilo da vítima, que conta com o trabalho de uma equipe multidisciplinar formada por assistente social, psicólogos e advogados, que realizam o acolhimento e o direcionamento conforme a demanda.

Mais lidas da semana