Mídias Sociais

Política

Macaé já se prepara para o Carnaval 2023 com reuniões com representantes de blocos de rua

Publicado

em

 

O secretário de Cultura de Macaé, Leandro Mussi, se reuniu nesta segunda-feira, 6, com representantes de blocos carnavalescos, no Centro Macaé de Cultura (CMC), sede da pasta, para discutir planejamento e organização de um circuito de blocos no carnaval de rua no município em 2023.

“A ideia de começar as reuniões faltando 8 meses para a Folia de Momo é que tanto estrutura pública quanto blocos estejam preparados de forma estratégica para um Carnaval de unidade social, segurança e ordenamento”, explicou a prefeitura.

Segundo o secretário de Cultura, a reunião também visa a organização de um evento na cidade em comemoração para o Dia Nacional do Samba, no próximo dia 2 de dezembro, que daria início às festividades carnavalescas no município no ano seguinte.

“Dia 2 de dezembro, Dia Nacional do Samba, queremos fazer um evento na cidade dando início ao Carnaval 2023. Para o Carnaval, a ideia é que todas as áreas da cidade estejam cobertas com esse fenômeno de convívio alegre que fortalece nossa manifestação cultural popular típica e promove integração”, explicou Leandro Mussi, reforçando a importância do evento para o turismo.

O gestor falou também que a reunião desta segunda-feira foi apenas a 1ª de uma série de encontros com representantes de vários setores envolvidos para que o carnaval de rua seja consolidado como atividade popular na cidade nos próximos anos.

“Gostamos de investir na cultura, no entretenimento e, com esse abraço do setor público, tudo fica mais fácil”, elogiou a presidente do bloco “Atura, bebê, ou surta”, Agnes Williams, que recentemente esteve envolvida na organização da 1ª edição do Jazz & Blues Sessions 2022, evento de grande sucesso na Praia do Pecado, no fim do último mês de maio.

Presidente do bloco infantil “Os pentelhinhos” e do bloco adulto “Chaplin’s”, Samuel Marques foi outro que ressaltou a importância da reunião com o poder público ocorrer de forma prévia, com tanto tempo de antecedência.

“Percebemos o acolhimento e vamos preparar blocos voltados para família, resgatando a tradição na cidade”, afirmou Samuel Marques.

Além de Agnes Williams e de Samuel Marques, participaram também colaboradores da Secretaria de Cultura e representantes dos blocos do “Pecado” e “Boi Capeta”, “Bebuns”, “Gato da Meia-Noite”, “Danadas”, e “Os Inflamáveis”.

Mais lidas da semana