Mídias Sociais

Política

Macaé entra em nova fase de vacinação nesta sexta-feira, 9, focada em idosos de 66 anos, e profissionais de segurança e de saúde

Publicado

em

 

Acontece nesta sexta-feira, 9, em Macaé, a vacinação contra o coronavírus para idosos com 66 anos, para profissionais das forças de segurança que atuam nas barreiras sanitárias, e para outros profissionais de saúde que ainda não foram imunizados.

A aplicação da 1ª dose da vacina para idosos de 66 anos estará disponível das 8h30 às 12h, no sistema drive thru, na Cidade Universitária, e em unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESF) na região central e na região serrana.

Entre as ESFs que funcionarão como pontos de vacinação, estão as unidades localizadas nos bairros, Botafogo, Imbetiba, Lagomar, Praia Campista, Visconde, na região central da cidade, e em Glicério, Sana, Frade, Bicuda, Córrego do Ouro, Areia Branca e Trapiche, na região serrana.

A vacinação para os idosos de 66 anos também estará disponível no Pronto Socorro do Parque Aeroporto, e no Centro de Especialidades Dr. Moacyr Santos, também conhecido como Barracão, localizado no bairro Miramar.

Reivindicação da Câmara Municipal atendida pela prefeitura, a aplicação da 1ª dose para os profissionais de segurança pública que atuam nas barreiras sanitárias, acontecerá, nesta sexta-feira, a partir das 8h30, na Casa da Vacina, mas, neste 1º momento, será apenas para 60 desses profissionais.

A vacinação dos profissionais de saúde do município também segue nesta sexta, na Cidade Universitária, das 13h30 às 16h, com foco em funcionários com 40 anos de idade ou mais. Nesta sexta, serão vacinados médicos farmacêuticos; terapeutas ocupacionais; veterinários; profissionais de serviço social; biólogos, doulas, cuidadores de idosos, técnicos laboratoristas e psicólogos.

“Vale lembrar que para todas as categorias, é importante que seja realizado o cadastro no site oficial da prefeitura. No caso dos profissionais de saúde, deve ser indicada a profissão a que pertencem e o local de trabalho no pré-cadastro, cumprindo exigência da Lei da Transparência. No dia da vacinação, além do código do pré-cadastro impresso, é necessário apresentar a carteira do Conselho de Classe válida ou documento de identificação oficial com foto (para as categorias que não têm conselho), e declaração de vínculo empregatício ativo, seja ela declaração do empregador com CPF ou CNPJ, ou carteira de trabalho com vínculo ativo ou contracheque atualizado”, explicou a prefeitura.

Mais lidas da semana