Mídias Sociais


Política

Macaé e Cabo Frio anunciam medidas para vacinação contra o coronavírus nesta semana

Publicado

em

 

As cidades de Macaé e de Cabo Frio promovem, nesta semana, ações de vacinação contra o coronavírus, com enfoque em grupos diferentes em cada município, começando nesta terça-feira, 31 de maio, e que segue até esta sexta-feira, 3 de junho.

Em Macaé, a aplicação das doses acontecerá na Casa da Vacina, que terá horário de atendimento estendido até às 20h, oferecendo também vacinas contra a Influenza, com objetivo de reforças as duas campanhas de imunização.

Segundo a prefeitura, a vacinação contra o coronavírus segue com a aplicação da 1ª, da 2ª, e da 3ª dose para o público geral a partir de 18 anos, além de gestantes e imunossuprimidos que já completaram 4 meses de vacinação da 2ª dose.

Mas desde essa terça, crianças e adolescentes com idade a partir dos 12 anos também podem receber a 3ª dose, assim como pessoas com idade a partir dos 18 anos podem receber a 4ª dose, lembrando que, neste caso, é preciso completar 4 meses de aplicação da 3ª dose.

Já a campanha municipal contra a Influenza segue voltada para crianças de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias, além de gestantes e puérperas até 45 dias de pós-parto, de professores, e de pessoas com comorbidades ou com deficiência permanente.

Também são esperados para a imunização contra a Influenza, caminhoneiros, trabalhadores do transporte coletivo, rodoviários, trabalhadores portuários, funcionários do sistema de privação de liberdade, adolescentes em medidas socioeducativas, forças armadas e forças de segurança e salvamento.

Em Cabo Frio, também desde esta terça, a vacinação contra o coronavírus estará disponível para crianças e adolescentes com idade entre 12 anos e 17 anos, 11 meses e 29 dias, que já tenham recebido a 2ª dose e agora precisam receber a 3ª dose.

De acordo com uma nota técnica de órgão do Ministério da Saúde, para a aplicação da 3ª dose para crianças e adolescentes de 12 a 17 anos, é necessário que eles sejam imunizados com a 2ª dose há pelo menos 4 meses.

“Para receber a dose de reforço (3ª dose), o adolescente deve comparecer a uma das unidades de saúde que fazem a vacinação contra a Covid-19 (sigla, em inglês, para Coronavirus Disease 2019), portando documento oficial com foto, CPF ou Cartão do SUS (Sistema Único de Saúde) e carteira de vacinação. O reforço (3ª dose) administrado no grupo deverá ser da Pfizer ou da CoronaVac, de acordo com a disponibilidade nas unidades. Gestantes ou puérperas de 12 a 17 anos também deverão ser vacinadas, respeitando o mesmo intervalo e a definição de doses indicadas”, detalhou a Prefeitura de Cabo Frio.

Mais lidas da semana