Mídias Sociais

Política

Macaé anuncia testagem em massa com 10 mil testagem do coronavírus até o próximo dia 11 de fevereiro

Publicado

em

 

A Prefeitura de Macaé anunciou, nesta quarta-feira, 2 de fevereiro, uma ação de testagem em massa com mais de 10 mil testes de antígeno para identificação de casos do coronavírus, que acontecerá nesta quinta-feira, 3, na Cidade Universitária.

O anúncio foi confirmado pelo prefeito Welberth Rezende (CIDADANIA), em sessão da Câmara Municipal, após o recesso parlamentar, nesta quarta, 2, e seguirá até nesta sexta-feira, 4, e na próxima semana, pausando apenas no fim de semana.

Segundo a prefeitura, a testagem será direcionada ao público geral a partir de 11 anos de idade, residente em Macaé, e que apresenta sintomas de síndrome gripal, com atendimento presencial das 9h até às 17h.

De acordo com a estratégia definida pela Secretaria de Saúde, serão distribuídas por dia mil senhas a partir das 7h para os testes de antígeno com resultado entregue dentro de 30 minutos, com acesso no portão da Cidade Universitária, próximo a loja C&C.

“A ação é garantir à população o acesso ao teste, identificar casos positivos e garantir o isolamento imediato. A nossa estratégia também é de identificar o atual cenário de evolução da doença para novas medidas de atendimento e restrições sejam definidas”, explicou a secretária de Saúde, Liciane Furtado.

Para ter acesso ao teste, será preciso apresentar um documento de identificação com foto, CPF ou Cartão do Sistema Único de Saúde (SUS), além de um comprovante de residência com endereço de Macaé, como conta de luz, água, telefone, cartão de banco, Cartão Macaé, declaração da Estratégia de Saúde da Família (ESF), ou contrato de aluguel em nome da pessoa.

“Os pacientes com resultado positivo para o coronavírus que necessitarem de atendimento médico serão encaminhados para os 6 polos de referência para casos de síndrome gripal: UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da Barra e do Lagomar, Pronto Socorro Municipal da Imbetiba, Pronto Socorro do Parque Aeroporto, Hospital Público Municipal da Serra (HPMS) e o Posto de Saúde do Sana”, detalhou o município.

A prefeitura explica ainda que a logística de atendimento contará com apoio da Guarda Municipal e da Secretaria Adjunta de Defesa Civil, ligadas à Secretaria de Ordem Pública; da Secretaria Adjunta de Ensino Superior, ligada à Secretaria de Educação; e da Vigilância Sanitária, e da Coordenadoria Especial de Proteção Animal e Controle de Zoonoses, ligadas à Secretaria de Saúde; das secretarias de Mobilidade Urbana, e de Serviços Públicos; e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); além da Unimed Costa do Sol; e do Hospital São João Batista.

Mais lidas da semana