Mídias Sociais

Política

Investimentos na área da Saúde em Macaé marcam gestão do Prefeito Dr. Aluizio à frente do município

Avatar

Publicado

em

 

Seguindo com os investimentos na área da saúde após a entrega do novo Centro de Especialidades Médicas Dona Alba Corral, no aniversário de 206 anos da cidade, no último dia 29 de julho, a Prefeitura de Macaé ampliou o número de leitos de Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) e enfermarias de internação pediátrica.

“A restruturação dos procedimentos de atendimento à população, através de investimentos focados na expansão das ações de atenção básica e modernização em procedimentos de média e alta complexidade, garantem a Macaé o reconhecimento de excelência em áreas estratégicas da rede pública de saúde, como a assistência pediátrica”, entende a prefeitura.

Para o Prefeito Dr. Aluizio (sem partido), que sempre falou da sua prioridade em relação aos investimentos na área da Saúde, assim como na melhoria do saneamento municipal, a ampliação dos serviços responde à necessidade da população.

“O acesso do paciente à rede pública de saúde tem como premissa o acolhimento e a eficiência. A ampliação do serviço segue a realidade e as características da população, o que exige do poder público um planejamento constante e a busca contínua por qualidade. Esse é o nosso objetivo”, aponta o prefeito.

O governo municipal aponta que dados da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) mostram que, em 9 anos, as redes pública e privada de Saúde reduziram em 16 mil o número de leitos para assistência infantil.

O município lembra ainda que UTIs e enfermarias para internação e observação pediátricas de até 24h vêm sendo fechadas em hospitais de capitais de estados e cidades antes consideradas de referência.

Contrariando os números estaduais e municipais em todo país, o Hospital Público Municipal (HPM) de Macaé mantém 6 leitos de UTI pediátrica, sendo 4 credenciados ao Sistema Único de Saúde (SUS), e outros 2 mantidos com recursos próprios da prefeitura.

Além disso, o HPM mantém 1 leito UTI pediátrico de isolamento, 14 leitos infantis de observação, e 12 macas na enfermaria pediátrica, equipadas com sistemas de controle de hipotermia e outra no setor de enfermagem pediátrica, enquanto que, no Hospital Público Municipal da Serra (HPMS), em Trapiche, há ainda 3 leitos.

“A assistência pediátrica de alta complexidade de Macaé se integra a unidades do sistema público, que garantem a regularidade de campanhas de vacinação, cobertura farmacêutica, e outros procedimentos que ampliam a cobertura mantida pela prefeitura”, concluiu a prefeitura.

Mais lidas da semana