Mídias Sociais


Política

Escolas públicas municipais de Macaé recebem exposição de quadros batizada Pássaros do Brasil

Publicado

em

 

Realizada em parceria entre o Instituto Vida Sustentável e a Coordenadoria de Meio Ambiente, da Superintendência de Educação Integrada da Secretaria de Educação, a exposição Pássaros do Brasil segue seu calendário de visitação às escolas públicas municipais de Macaé.

Nesta quarta-feira, 3 de agosto, foi a vez dos alunos do 1º ao 5º ano da Escola Municipal Aroeira receberem a mostra, que faz parte da programação que segue até o final do ano letivo, movimentando as unidades públicas municipais de ensino.

De acordo com a prefeitura, alunos e professores têm elogiado a experiência que oferece a oportunidade de apreciar a pintura sobre óleo e saber mais a respeito do histórico de pássaros e regiões em que vivem no país.

Entre essas regiões está o Pantanal, no Estado do Mato Grosso (MT), e que voltou com tudo com a nova versão da novela de Benedito Ruy Barbosa, de 1990, pela TV Globo em 2022, com adaptação de Bruno Luperi, e que caiu nas graças da população.

Entre os pássaros expostos nas pinturas estão a águia, o curió, o trinta rés, a jacutinga, e o canário, além dos que podem ser encontrados na nossa região, como o saíra, o sanhaço, o coleiro e o famoso papagaio.

A exposição conta com o colorido das telas e, na ocasião, é abordada a importância da conscientização sobre a preservação do meio ambiente e cuidados com os impactos da ocupação desordenada, queimada e uso de agrotóxicos.

Além da mostra itinerante nas escolas públicas municipais, a ação tem atividades extras como exibição de filmes e debates, lembrando que o agendamento para receber a exposição Pássaros do Brasil pode ser feito via WhatsApp, através do número (22) 98828-3131.

Curador e responsável pela exposição da Secretaria de Educação, Paulo Moraes explicou que proposta da Coordenadoria de Meio Ambiental da pasta é atender todas as escolas da rede pública municipal.

“A mostra está sendo gratificante e positiva, pois está atraindo o interesse de toda comunidade escolar, entre alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental. A finalidade é a consciência ambiental e o ensino de algumas disciplinas específicas”, concluiu Paulo Moraes.

Mais lidas da semana