Mídias Sociais

Brasil e Mundo

Em novo Ranking da Transparência do Ministério Público, Macaé recebe nota máxima e segue no topo da listagem

Avatar

Publicado

em

 

Nesta quarta-feira, 8, o Ministério Público Federal divulgou o Ranking da Transparência das 92 cidades do Estado do Rio de Janeiro. E, assim como na primeira avaliação, Macaé lidera a lista - desta vez, junto com outros seis municípios que também receberam a nota máxima na avaliação da entidade: 10.

Na Região, o município mais próximo de Macaé na avaliação é Casimiro de Abreu que, no entanto, ocupa apenas a 12ª posição. Já na avaliação anterior, Macaé havia se destacado e conquistado o primeiro lugar da listagem. Segundo o próprio MPF, o nível de transparência de estados e municípios brasileiros aumentou cerca de 31% em seis meses.

O Ranking Nacional da Transparência é originado da avaliação de portais de 5.567 municípios, 26 estados e o Distrito Federal. O Índice Nacional de Transparência subiu de 3,92, em 2015, para 5,15, em 2016. Estados e municípios que ainda descumprem as leis de transparência serão acionados judicialmente.raking transparência

No Rio, somente Macaé e Duque de Caxias mantiveram as notas máximas conquistadas na primeira avaliação. Entre os critérios usados para aferir o nível de transparência das cidades está se o Governo possui informações sobre Transparência na internet e se o o site contém ferramenta de pesquisa de conteúdo que permita o acesso à informação.

Além disso, o MPF também verifica se há informações sobre a receita nos últimos 6 meses, incluindo natureza, valor de previsão e valor arrecadado e se as despesas apresentam dados do último semestre contendo valor do empenho,da liquidação, o favorecido e quanto foi pago.

Em Macaé, o Governo Municipal tem sido implacável no quesito redução de custos da máquina pública e visibilidade. Em setembro do ano passado, por exemplo, o prefeito, Dr. Aluízio (PMDB), apresentou a reformulação do Portal Transparência, que disponibiliza dados sobre orçamento, receitas, despesas, licitações, contratos e informações de pessoal.

Mais lidas da semana