Mídias Sociais

Política

Depois de lista de beneficiados divulgada, pagamento do Bolsa Alimentação segue nesta sexta-feira, 16, e na próxima semana

Avatar

Publicado

em

 

A nova lista nominal para pagamento da 13ª parcela do programa do Bolsa Alimentação foi divulgada na última quinta-feira, 15, para quem recebe através de conta corrente e conta poupança, com os pagamentos sendo liberados nessa quinta e sexta-feira, 16.

Os primeiros dias de pagamento começaram a ser feitos através de lotes específicos para os beneficiários que tiveram os dados informados e conferidos, inclusive dos novos estudantes matriculados na rede pública municipal de educação.

Para os novos alunos alocados na 3ª fase da pré-matrícula, que se encerra nesta sexta-feira, a previsão de que o pagamento do auxílio emergencial comece a ser feito a partir do próximo mês de maio, sempre por meio de conta corrente ou conta poupança.

“O pagamento do auxílio segue critérios específicos, como as informações corretas de dados bancários. Qualquer inconsistência nessas informações impossibilita o pagamento”, alerta a prefeitura.

A prefeitura lembra que os pagamentos que eram feitos através do cartão Credicard e por ordem de pagamento foram encerrados, e que os beneficiários passaram pelo recadastramento junto aos diretores das escolas municipais para conseguir receber por conta corrente ou conta poupança.

Entre os motivos para o não recebimento do benefício estão problemas nas informações fornecidas no cadastro como, apresentação de CPF diferente do cadastrado; número de agência e de conta errados; titular da conta não ser o responsável pelo recebimento; e conta bloqueada.

Proposto pelo governo do ex-prefeito Dr. Aluízio (sem partido), no final de março de 2020, com o valor de 100 reais, o benefício teve seu valor dobrado para 200 reais após a destinação de 5,3 milhões de reais do Fundo do Legislativo para o programa social da Educação aprovado pela Câmara em abril do ano passado, ainda durante o início da pandemia do coronavírus.

De acordo com a prefeitura, o Bolsa Alimentação visa garantir a segurança alimentar dos alunos para compensar os efeitos da falta de oferta de merenda escolar depois da paralisação das aulas, em março de 2020, em razão da pandemia do coronavírus.

O município reforçam que os pagamentos, que somam uma injeção de 8 milhões de reais por mês para todos os alunos beneficiados pelo programa, poderão ser revogados a qualquer momento, de acordo com a retomada das atividades escolares presenciais.
Para tirar dúvidas dos beneficiários, a equipe da Bolsa Alimentação atende de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, exceto nos feriados e nos finais de semana, por meio do WhatsApp, através do telefone (22) 99925-0520, ou dos e-mails, bolsa.alimentacao.macae@gmail.com e ouvidoria.bolsa.alimentacao@gmail.com.

Mais lidas da semana