Mídias Sociais

Política

Carapebus faz parceria com Macaé para implantar Patrulha Maria da Penha na cidade

Publicado

em

 

A Prefeitura de Carapebus trabalha para promover a implantação da Patrulha Maria da Penha, programa de prevenção e combate à violência contra a mulher, realizando acompanhamento e monitoramento de medidas protetivas, entre outras atividades.

Na última semana, uma equipe da prefeitura esteve na cidade vizinha, em Macaé, referência na região na implantação do programa, para discutir parcerias para a capacitação de guardas municipais que atuarão na Patrulha Maria da Penha de Carapebus.

Na equipe, estiveram o secretário de Segurança e Trânsito, Ricardo Aquino, e representantes da Guarda Municipal, que serão responsáveis pela implantação do programa em Carapebus, e que se reuniram com a coordenadora de Políticas para Mulheres de Macaé, Jane Roriz, gestora do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (CEAM).

A unidade de Macaé é vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade, e foi pioneira na região na busca de referência para a implantação da Patrulha Maria da Penha, em 2016.

“O Projeto Patrulha Maria da Penha tem como principal objetivo, atuar preventivamente na violência contra a mulher, tendo como foco o acompanhamento e o monitoramento de medidas protetivas, salvaguardar os direitos constitucionais da mulher que são invioláveis, além de dar o suporte necessário para que elas se sintam amparadas pelos órgãos que serão destinados à sua proteção”, reforçou a Prefeitura de Carapebus.

Segundo o secretário de Segurança de Carapebus, além da parte técnica que será disponibilizada no programa, também será colocado à disposição todo amparo da prefeitura para frear o índice de violência doméstica, sendo dessa forma uma ação preventiva e com a finalidade de promover a segurança pública.

Em Macaé, a Patrulha Maria da Penha funciona com apoio da Polícia Militar, e trabalha em parceria com a Polícia Civil, e outros órgãos do Judiciário na cidade. Na região, além de Macaé, o programa já funciona nas cidades de Rio das Ostras, Quissamã, São Pedro da Aldeia, e Cabo Frio.

Mais lidas da semana