Mídias Sociais

Política

Candidatura de Cristiane Fernandes para eleição suplementar de Cabo Frio pode não ser validada

Thaiany Pieroni

Publicado

em

 

A candidatura de Cristiane Fernandes para disputar a prefeitura na eleição suplementar de Cabo Frio pode não ser validada. A Executiva estadual do PSDB, partido de Cristiane, rejeitou sua candidatura, alegando que o partido prefere se manter neutro nessas eleições.

Segundo informações, representantes do partido teriam comparecido ao cartório eleitoral para registrar a ata da decisão do partido.

Porém, em seu perfil nas redes sociais, Cristiane afirma que ainda não desistiu e que não há nenhuma decisão judicial que a impeça de continuar a campanha. A candidata denunciou ainda que está sendo perseguida pelo candidato Adriano Moreno desde que preteriu a sua candidatura a vice- prefeita.

“No momento em que a Justiça Eleitoral estimula a força da mulher através de campanhas voltadas a participação feminina nas eleições, temos um candidato que não satisfeito em me retirar como vice de sua chapa agora pretende retirar a minha candidatura de prefeita. Não irá conseguir, como disse confio em Deus e na Justiça! Queridos amigos e amigas, não iremos recuar, quem conhece a minha história sabe que a nossa candidatura irá até o fim”, desabafou a candidata.

Cristiane registrou sua candidatura no final do último domingo, 20, no Tribunal Regional Eleitoral, em Cabo Frio. O registro feito após o prazo de 19 de maio é valido tendo em vista que o candidato pode requerer individualmente, em até 48 horas após o prazo, seu registro de candidatura, caso o partido político ou a coligação não o tenha requerido.

Mais lidas da semana