Mídias Sociais

Política

Cabo Frio recebe 3,7 milhões do Fundeb

Avatar

Publicado

em

 

Mesmo com a crise que está destruindo Cabo Frio, os cofres públicos continuam recebendo dinheiro. Desta vez, foram depositados 3,7 milhões de reais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação - Fundeb, provenientes do Governo Federal. Mas mesmo com os repasses federais sendo depositados regularmente na conta da prefeitura, os salários e benefícios dos professores continuam atrasados.

No total, foram depositados R$ 3.772.226,04 (três milhões setecentos e setenta e dois mil duzentos e vinte e seis reais e quatro centavos) na manhã desta terça-feira (19) pelo governo federal. E como esse dinheiro é uma verba carimbada, ele só pode ser usado para quitar gastos específicos com a educação.

Mas na realidade, não é isso que acontece em Cabo Frio pois os professores continuam com duas parcelas do 13º salário atrasadas, vale transporte, um terço de férias, além do salário de junho, que também está atrasado.

Os repasses do Fundeb de julho totalizam R$ 6.856.481,89 (seis milhões oitocentos e cinqüenta e seis mil quatrocentos e oitenta e um reais). Desde o início do ano, a Prefeitura recebeu R$ 64.410.431,21 (sessenta e quatro milhões quatrocentos e dez mil quatrocentos e trinta e um reais e vinte e um centavos) do Fundeb. O que chama a atenção é que mesmo com essa alta quantia recebida, a educação de Cabo Frio está um caos.

A expectativa dos profissionais da Educação é que o pagamento do salário do mês de junho seja realizado ainda nesta terça, uma vez que o prefeito Alair Corrêa (PP) vem condicionando o depósito dos vencimentos dos servidores aos repasses do Fundeb realizados nas terceiras terças-feiras de cada mês, quando o volume financeiro da transferência é maior.

 

Mateus Marinho

Mais lidas da semana