Mídias Sociais

Política

Brasil Offshore 2019 terá conferências técnicas para fomentar capacitação profissional visando mercado de óleo e gás

Avatar

Publicado

em

 

Feira, que acontece entre os dias 25 e 28 de junho deste ano, em Macaé, estima receber 53 mil visitantes durante os 4 dias de evento, prevendo 300 milhões de reais em geração de negócios

Com objetivo de fomentar a geração de negócios, o aprimoramento do conhecimento técnico e a inovação através da capacitação profissional em toda a estrutura do setor de óleo e gás, a Brasil Offshore 2019 anunciou que irá ministrar conferências técnicas durante a realização do evento, realizado entre os dias 25 e 28 de junho desse ano, em Macaé.

As conferências técnicas serão realizadas em parceira com a Society of Petroleum Engineers (SPE) e com curadoria do Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), e representam uma oportunidade de proporcionar aos visitantes da feira o aprofundamento de conhecimentos sobre o segmento.

Restante pouco mais de 2 meses para a abertura do evento, a organização da Brasil Offshore 2019 divulgou o calendário das conferências, que começam no segundo dia da feira, na quarta-feira, 26 de junho, e se encerra no último dia, sexta-feira, 28 de junho.

A 1ª conferência, com o tema “Perfuração e Completação”, pretende fazer uma análise de alternativas convencionais, não convencionais e o uso das tecnologias digitais na construção e nas manutenções dos poços produtores e injetores de água, temas centrais para campos maduros.

De acordo com a organização da feira, logo após a conferência acontece uma discussão sobre as novas técnicas e metodologias para o gerenciamento de campos maduros através da extensão da sua produção na sessão sobre “Reservatórios”.

Ainda no dia 26, será ministrada a conferência sobre “Integridade e Confiabilidade” com o objetivo de reforçar a percepção de risco em ambientes de imprecisão, e traçar tópicos relativos à gestão de poços, topside e subsea nas diferentes fases do projeto.

Na quinta-feira, 27 de junho, entrarão em debate questões sobre “Production Unit”, apresentando exemplos de projetos de unidade, instalações em campo, manutenções e obras de adaptação, explorando os seus principais aspectos e necessidades diante ao cenário econômico atual.

Neste terceiro dia da Brasil Offshore 2019, acontecem ainda palestras com diálogos sobre “Descomissionamento de Plataformas de Produção de O&G” e as reais dimensões de suas atividades; “Subsea” e os desafios de garantir que seus ativos não inviabilizem os esforços de recuperação dos campos; e “Conformidade e Mediação” que promoverá um debate quanto às normas aplicáveis nas áreas de mediação e segurança operacional em offshore.

No último dia de Conferência, 28 de junho, o encontro trará como reflexão a “Plataforma do futuro – unindo empresas aos profissionais do futuro” e é voltado especificamente para os jovens profissionais que estão iniciando ou querem dar o primeiro passo na sua carreira, espaço onde o público poderá interagir com empresas do setor petrolífero como uma preparação e integração na área, e serão abordados temas como os novos rumos de trabalho na retomada do setor de petróleo objetivando orientar profissionais e empresas sobre a dinâmica de contratação e retenção de pessoas, tendo como cenário um mercado em transformação.

A Brasil Offshore 2019 estima que 53 mil visitantes irão passar pelos 4 dias de evento, que contará com a participação de 600 marcas expositoras nacionais e internacionais. Atualmente, a feira já conta com 90% de sua planta vendida, prevendo 300 milhões de reais em gerações de negócios, representando um aumento de 20% em relação à edição anterior.

Mais lidas da semana