Mídias Sociais

Política

Bolsonaro projeta investimentos de 7 bilhões de reais com concessões de portos, aeroportos e ferrovias

Avatar

Publicado

em

 

Aeroportos de Macaé (na foto), Vitória (ES), Recife (PE), Maceió (AL), Aracaju (SE), Juazeiro do Norte (CE), e de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos no Mato Grosso são os que serão leiloados pelo governo em março

Em sua conta no Twitter, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) revelou planos de sua gestão para “rapidamente” atrair cerca de 7 bilhões de reais em investimentos com concessões de portos e aeroportos em todo país.

Segundo ele escreveu na manhã desta quinta-feira, 3 de janeiro, serão 12 aeroportos e 4 terminais portuários, além da ferrovia Norte-Sul (EF-151), apontados como fatores que trarão um resgate do “desenvolvimento inicial da infraestrutura do Brasil”.

Na quarta-feira, 2, o novo ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, falou em seu discurso de posse sobre os processos para as concessões dos 12 aeroportos, entre eles o Aeroporto de Macaé, que está no Bloco Sudeste, junto com o aeroporto Vitória, capital do Espírito Santo.

De acordo com o novo ministro, o leilão está previsto para março deste ano. Além do Bloco Sudeste, serão leiloados ainda, no Blocos Nordeste, os aeroportos de Recife, em Pernambuco; de Maceió, em Alagoas; de Aracaju, em Sergipe; e em Juazeiro do Norte, no Ceará.

Já no Bloco Centro-Oeste estarão os aeroportos de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, todos no Estado do Mato Grosso. Também em seu discurso de posse, o Freitas citou a concessão da ferrovia Norte-Sul, que ligará os estados do Pará e do Rio Grande do Sul, as novas licitações para as rodovias BR-381, entre o entroncamento da BR-101, em São Mateus, no Espírito Santo, e a Rodovia Presidente Dutra (BR-116), que também terá nova licitação prevista para este ano.


 

Mais lidas do mês