Mídias Sociais

Política

Alair volta a culpar oposição pela crise de Cabo Frio

Avatar

Publicado

em

 

O prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa (PP), voltou a culpar a oposição pelo atual momento da cidade. Atrasos nos salários, serviços básicos precários, greve nas escolas e hospitais, e uma enxurrada de críticas à sua gestão, tem sido a tônica dos últimos 2 anos de governo.

O prefeito também atribuiu a responsabilidade pela crise a uma parte dos vereadores. Em texto divulgado em seu blog pessoal na manhã desta terça-feira (12), o prefeito lamentou as manobras dos parlamentares para impedir o empréstimo de até R$ 200 milhões por “pura maldade e política”.

Alair Correa diz estar triste por “estar afastando tanta gente dos seus empregos” e garante que lutou muito “para ter recursos e evitar isso, mas que, sem reforço de caixa como uma doação ou empréstimo como teve o governo estadual, e com receitas menores que as despesas, lamentavelmente não tivemos outra saída”.

O prefeito começou o texto lembrando que o Governo Estadual está “pagando o mês de maio aos seus servidores” - quando na verdade o pagamento é referente ao mês de junho – e que “isso só está sendo possível porque o governo federal doou R$ 2,9 bilhões para as Olimpíadas”.

Confira o trecho no qual o prefeito fala sobre o caso do Governo do Estado: “Fundamental lembrar que há seis meses o Estado só pagou sua folha de pessoal porque já havia conseguido um empréstimo de R$ 6,5 bilhões. Parabéns ao governador por ter tido legisladores conscientes que aprovaram o empréstimo e agora um presidente da República preocupado e que faz essa doação ao Estado” - escreveu Alair.

Parece que o desespero tomou conta de Alair. Quando nos deparamos com declarações como essas, podemos observar duas coisas: ou ele acredita mesmo que a crise na cidade não é culpa da péssima administração dele, e sim dos oposicionistas, ou ele já perdeu a razão e a vergonha em mentir e dissimular dessa maneira. Das duas uma.

 

Mateus Marinho

Mais lidas da semana