Mídias Sociais

Destaque

Quinze anos depois, acusado de violentar companheira até a morte é preso pela Polícia Civil em Búzios

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Homem era considerado foragido da Justiça há quatro anos. Crime ocorreu no ano de 2006, em Cabo Frio.

A Polícia Civil capturou, na manhã desta terça-feira (7), em Armação dos Búzios, na Região dos Lagos, Manoel Claudio Ilário, acusado de ter matado sua companheira, Maria Madalena da Conceição, em 2006, no bairro Jardim Esperança, em Cabo Frio, município vizinho.

A ação foi deflagrada pela equipe da 127ª Delegacia Policial de Búzios (127ª DP), coordenada pelo delegado Allan Duarte Lacerda, em cumprimento a um mandado de prisão contra o acusado expedido em 2015. Há quatro anos, Ilário era considerado foragido da Justiça.

De acordo com informações de familiares, Maria Madalena era vítima de agressões domésticas e sua morte teria sido consequência de uma dessas agressões, o que caracteriza o crime de feminicídio. Em 2006, ela foi levada para a unidade hospitalar de Jardim Esperança gravemente ferida e após quatros dias não resistiu e morreu.

O delegado Allan comentou que “com sua prisão a Justiça dará um pouco de alento para a família da vítima que desde 2006 aguardava pela responsabilização do autor”.

Mais lidas do mês