Mídias Sociais

Destaque

Polícia fecha baile funk, apreende menor, drogas e granadas, na Favela do Lixo, em Cabo Frio

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Operação foi deflagrada pela Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), com o objetivo de repreender o tráfico de drogas na Favela do Lixo. 

Policiais civis e militares fecharam, na madrugada deste domingo (31), um baile funk supostamente promovido por uma facção criminosa, no bairro Manoel Correia, em Cabo Frio, na Região dos Lagos. Um adolescente foi apreendido. Apelidada de “Reza Vela”, a ação foi deflagrada pela Secretaria de Estado de Polícia Civil (Sepol), com o objetivo de repreender o tráfico de drogas na Favela do Lixo.

Segundo a Polícia Civil, os agentes ingressaram na comunidade e foram recebidos a tiros e granadas, mas conseguiram estabilizar o local. Aproximadamente 160 pessoas foram consultadas em sistema policial em busca de mandados de prisão.

No local, foram apreendidos livros com anotações do tráfico de drogas, 413 pinos de cocaína, 467 buchas de maconha, 45 lanças perfume, um rádio transmissor, R$ 122 reais em espécie, duas granadas, 1 caixa de som grande, canhão de luz e oito motocicletas.

Segundo a Sepol, a operação ocorreu após cerca de trinta dias de levantamento de informações e de fotos do local com movimentação dos traficantes. A investigação apurou que criminosos de alta periculosidade estariam na favela para comemorar o aniversário do suspeito conhecido como "Vela", um dos donos do tráfico de drogas na localidade.

O baile funk, onde era realizada a venda indiscriminada de drogas, bem como venda de bebidas alcoólicas para menores de idade e com homens ostentando armas seria o meio de comemorar. As investigações continuarão com o propósito de prender os membros da perigosa facção que age na região.

Mais lidas do mês