Mídias Sociais

Destaque

Polícia Civil realiza ação contra receptação de equipamentos de telefonia e de internet furtados na Região dos Lagos

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) realizaram, nesta terça-feira (17), uma grande operação na Região dos Lagos contra receptação de equipamentos de telefonia e de internet furtados e que eram utilizados pelos acusados em suas próprias empresas e redes de provedor de internet. Os agentes apreenderam diversos materiais e centenas de metros de cabos furtados de fibra ótica.

Em uma empresa, em São Pedro da Aldeia, os agentes apreenderam 24 caixas de terminação óptica (NAPS), que haviam sido furtadas da operadora Claro. O equipamento foi desenvolvido para proteger a fusão, distribuição e concentração das fibras ópticas. A investigação deste caso foi iniciada na 151ª DP (Nova Friburgo). De acordo com os policiais, os acusados tentavam esconder os logotipos das operadoras usando massas e, além disso, queimavam as caixas. No entanto, a equipe conseguiu identificar as marcas das empresas lesadas em diversos equipamentos.

No município de Araruama, os agentes foram até a casa de um suspeito e encontraram centenas de metros de cabos furtados de fibra ótica da Claro, Oi, Vivo e Sumicity, além de baterias furtadas da Claro e da Nextel.

Durante o levantamento de informações, os policiais descobriram que as empresas não possuem licença da Anatel para oferecer o serviço e utilizavam a Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAES) divergente com o que era prestado aos clientes. As investigações prosseguem para identificar todos os envolvidos nos furtos e na receptação dos produtos

Mais lidas da semana