Mídias Sociais

Polícia

PMs apreendem menor suspeito de envolvimento na morte de pecuarista macaense

Publicado

em

 

Segundo a PM, o adolescente identificado como R.M.C tentava fugir, mas foi pego nessa sexta-feira (04) em um coletivo na Estrada do Imburo.

Policias militares de Macaé apreenderam um menor suspeito de envolvimento na morte do pecuarista macaense, Carlos Eduardo de Souza Santos, de 55 anos. Segundo a Polícia Militar, o adolescente, identificado como R.M.C., tentava fugir, mas foi pego nessa sexta-feira (04) em um coletivo na Estrada do Imburo.

Os policiais militares localizaram o adolescente depois de receberem denúncia com informações de que os autores do crime se preparavam para fugir de Macaé. O menor foi capturado por policiais do serviço reservado (P2) e outros PMs.

Até essa sexta-feira (04), policiais estavam em diligências na tentativa de localizar os outros autores, mas até o fechamento desta edição ninguém foi preso.

O crime

O corpo do pecuarista macaense, Carlos Eduardo de Souza Santos, de 55 anos, foi encontrado por policiais militares no Morro da Ferradura, no bairro Santa Maria, em Conceição de Macabu.

Segundo a Polícia Militar, Cadu, como era popularmente conhecido,  era um dos proprietários do posto de combustível situado às margens da Rodovia Amaral Peixoto, no bairro Lagomar, em Macaé. Ele foi morto por bandidos na madrugada desta quinta-feira (03). Após buscas, o carro dele foi encontrado às margens da BR 101 sem combustível e logo em seguida o corpo foi localizado.

O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Conceição de Macabu. Cadu era muito conhecido na cidade por ser um grande incentivador da pecuária de qualidade no estado do Rio de Janeiro.

Crédito: Divulgação

Mais lidas da semana