Mídias Sociais

Destaque

Padrasto acusado de estuprar enteada de 10 anos em Paracambi, no Rio, é preso escondido em Cabo Frio

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Samuel da Silva Matos, de 32 anos, foi indiciado estupro de vulnerável e abandono de incapaz. Ele estava morando em Unamar.

Agentes da Delegacia de Atendimento a Mulher (DEAM) da Polícia Civil de Cabo Frio, na Região dos Lagos, prenderam, na manhã desta quinta-feira (12), Samuel da Silva Matos, de 32 anos, acusado pela Justiça por estupro de vulnerável e abandono de incapaz.

Samuel teria praticado atos sexuais com sua enteada de apenas 10 anos, na cidade de Paracambi, na Região Metropolitana do Rio, em 2016. Ele estava foragido desde então, morando no bairro de Unamar, no distrito de Tamoios, em Cabo Frio.

O mandado de prisão contra o acusado foi expedido pela Vara Única de Paracambi e cumprido pelos agentes da DEAM do município cabista, sob a coordenação da delegada titular, Márcia Beck. Samuel foi preso casa e não ofereceu resistência. Ele está preso na 126ª Delegacia Policial de Cabo Frio (126ª DP), onde aguarda transferência para o sistema prisional.

 

 


 

Mais lidas do mês