Mídias Sociais

Destaque

Mata Rindo é baleado e preso durante confronto com a PM no Bosque Azul, em Macaé

Bertha Muniz

Publicado

em

 

No local foram apreendidas uma pistola Glock 9mm, munições, R$ 170; 10 papelotes de cocaína; 10 mariolas de maconha e duas buchas da mesma droga. 

Um homem foi capturado durante uma operação realizada pela Polícia Militar no Condomínio Residencial Bosque Azul, em Macaé, na tarde desta segunda-feira (23). No local, agentes do Serviço Reservado (P2), realizavam diligências a procura de integrantes do tráfico de drogas, quando entraram em confronto com cerca de 15 homens.

Segundo a PM, os agentes que estavam na localidade foram atacados por bandidos e revidaram a agressão. O homem capturado é Vitor Rodrigues Tavares, de 22 anos, conhecido como “Mata Rindo, suspeito de integrar o tráfico de drogas, segundo a PM. Durante o fogo cruzado, ele levou um tiro na perna e foi socorrido para o Hospital Público de Macaé (HPM), onde passou por cirurgia.

Com Mata Rindo, foi apreendida uma pistola Glock 9mm,  arma de uso exclusivo da Polícia Federal.  Vitor recebeu voz de prisão em flagrante no hospital, onde permanece sob a escolta da PM. Após o cessar fogo, os outros suspeitos conseguiram fugir. No Bosque Azul também foram apreendidos um carregador alongado contendo oito munições intactas; R$ 170,00 em espécie; 10 papelotes de cocaína; 10 mariolas de maconha e duas buchas da mesma erva.

Histórico

Vitor, o “Mata Rindo” já possui diversas anotações criminais. Antes de completar maioridade, ele foi apreendido pelo menos cinco vezes por tráfico, porte ilegal de arma de fogo, entre outros delitos.Em 2013, após completar 18 anos, ele recebeu voz de prisão em uma clínica particular, no Centro de Macaé, onde estava internado, após se ferir em um confronto com policiais militares, na Malvinas. A prisão foi em decorrência da Operação Rapalla da Polícia Federal, que tinha o objetivo de exterminar o tráfico de drogas e desarticular facções criminosas em Macaé.


 

Mais lidas do mês