Mídias Sociais

Destaque

Macaé registra 6 mortes e duas tentativas de homicídio em fim de semana violento

Publicado

em

 

Mortes ocorreram nos bairros Aeroporto, Planalto da Ajuda, Aterrado do Imburo e Lagomar. Corpos foram levados para o IML.

Macaé registrou alto índice de violência neste fim de semana. De acordo com a Polícia Militar (PM), foram seis homicídios e duas tentativas de homicídio entre sexta (22) e domingo (24). Segundo o comandante do 32ª BPM, tenente-coronel André Siqueira, o policiamento foi aumentado na cidade.

A onda de assassinatos começou na tarde de sexta-feira (22), quando um homem identificado como Riverton Gomes de Oliveira, de 37 anos, foi morto a tiros que atingiram a cabeça e o tórax dentro de sua própria casa, no bairro Planalto da Ajuda. Segundo amigos da vítima, ele trabalhava embarcado, frequentava uma igreja evangélica do bairro e deixou filhos.

Já na tarde de sábado (23), dois jovens foram executados, também a tiros, na Rua 62, uma das vias mais movimentadas do bairro Parque Aeroporto. Vitor Lima Silva, de 19 anos, e Enzo Oliveira Pires, de 18, estavam em uma lanchonete quando foram alvejados.

Uma mulher, que também estava no local, foi baleada e socorrida para o Hospital Público Municipal (HPM). A vítima não corre risco de vida, segundo a unidade de saúde. Na madrugada de domingo (24), o corpo de Welington Gomes Martins, de 27 anos, foi localizado por populares que acionaram a polícia, no bairro Aterrado do Imburo. Segundo o laudo da perícia, ele foi morto com um tiro na cabeça.

Já na noite de domingo, um homem ainda não identificado, foi baleado na Ajuda de Baixo e socorrido para o HPM. A unidade de saúde não divulgou informações sobre paciente.  Ainda no domingo, um casal, foi morto em sua residência, na Rua W24, no Lagomar. Eles foram identificados como Laryssa e Gawene.  O casal deixou dois filhos pequenos.

Ainda não há suspeitas sobre a motivação e autoria dos crimes, que seguem sob investigação da 123ª Delegacia Policial de Macaé (123ª DP). Os corpos foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) do município.

Mais lidas da semana