Mídias Sociais

Destaque

Criminoso que planejava assaltar casa de empresário é preso pela Polícia Civil em Cabo Frio

Bertha Muniz

Publicado

em

 

Com ele foram apreendidos um revólver Taurus, calibre 38, com numeração raspada, munições e R$ 11 mil em espécie.
Agentes da Polícia Civil prenderam, nesta quarta-feira (16), Clebson do Nascimento Sena, acusado de tentativa de roubo a residência de um empresário da Região dos Lagos. Com ele foram apreendidos um revólver Taurus, calibre 38, com numeração raspada, munições e R$ 11 mil em espécie.

Após receberem uma informação do Disque-Denúncia de que um conhecido empresário da região teria sua casa roubada, crime previsto para ocorrer na manhã desta quinta-feira (17), policiais do Núcleo de Investigação de Crimes Patrimoniais (NICP) da 126ª Delegacia Policial de Cabo Frio (126ª DP) iniciaram uma investigação preliminar e confirmaram a veracidade das informações.

Com base na informação de que o casal suspeito era oriundo da Bahia e que estava residindo no bairro Jardim Olinda, em Cabo Frio, os agentes se vestiram e se comportarem como turistas, e conseguiram chegar, nesta manhã, ao local onde o crime foi arquitetado.

Segundo a Polícia Civil, os atos preparatórios estavam concluídos, pois compraram a arma de fogo por R$ 2.700,00, fizeram o monitoramento e diagnóstico completo da rotina da casa, horários em que os filhos entravam e saiam da escola, quantidade de integrantes da família, empresas do pai da família, carros da casa e colegas próximos dos familiares.

Os criminosos contavam com ajuda ainda de um terceiro integrante, com quem mantinha contato via WhatsApp, que mora no Rio e chegaria em Cabo Frio nesta quinta-feira.

Clebson possui anotação criminal por roubo no estado da Bahia, onde chegou a cumprir pena. A companheira dele, que se encontra grávida, não foi autuada pela posse do revólver, apesar de responder por tentativa de roubo, pois participou diretamente dos atos preparatórios.

Segundo os agentes, ela colaborou com as investigações, cedendo imagens de conversas com o terceiro criminoso envolvido no planejamento. O empresário foi avisado, bem como pessoas que seriam prováveis vítimas desses criminosos. O preso foi transferido para a SEAP, onde ficará à disposição da Justiça.

Mais lidas da semana