Mídias Sociais

Esporte

Zé Ricardo estuda armar o Vasco com três zagueiros na Libertadores

Sérgio Barcellos

Publicado

em

O técnico Zé Ricardo deixou no ar a possibilidade de armar o Vasco com três zagueiros na Copa Libertadores da América. O “teste” com o novo esquema foi no clássico diante do Fluminense. Se por um lado o time não conseguiu a vitória, o fato de não ter a sua defesa vazada foi avaliada como algo positivo.

Questionado sobre o assunto, o técnico Zé Ricardo foi evasivo. “Vamos avaliar ainda. Temos mais um jogo (sábado, contra o Madureira, em Moça Bonita). Ainda não está 100% definido, vamos pensar durante a semana. Fortalece a confiança não levarmos gol. Não só pela entrada do Werley. Estou satisfeito com o que fizemos para este jogo, mas claro que queremos sempre evoluir”, explicou Zé.

O fato de ter três zagueiros altos entre os titulares deu uma maior proteção a defesa nos lances de bola parada e jogadas aéreas. Um dos pontos fortes do Universidad de Chile, adversário da próxima terça-feira, pela Libertadores. Além disso, essa formação permite ao lateral Yago Picachu atuar mais a frente, com mais liberdade para explorar melhor suas características ofensivas.

A saída de bola entre os zagueiros, no entanto, deixou um pouco de preocupação nos torcedores. Quando pressionado, o trio formado por Erazo, Paulão e Werley tiveram bastante dificuldade para sair jogando. Algo que precisa ser trabalhado antes do jogo contra os chilenos.

Foto: divulgação 

Mais lidas do mês