Mídias Sociais

Esporte

Vasco usa "criatividade" e chega a acerto com novo reforço

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Não é de hoje que o Vasco monitora o mercado em busca de reforços. Só que o Cruz-Maltino vem atravessando uma grave crise financeira, o que limita bastante o seu poder de barganha frente a outras equipes. Diante de toda essa dificuldade, a diretoria do clube decidiu usar a criatividade para buscar outras alternativas. Uma delas seria reintegrar jogadores afastados do clube. É o caso de Claudio Winck.

No início deste ano, o Vasco tomou a iniciativa de afastar os laterais Claudio Winck e Rafael Galhardo e também o meia Bruno César. Os três foram informados de que deveriam procurar outro clube e, desde então, treinam em separado do restante do grupo. A intenção da diretoria era ir ao mercado e buscar substitutos para preencher essas lacunas no elenco, o que acabou não acontecendo.

Diante da necessidade de preencher essas posições no elenco, a direção tomou a decisão de reavaliar o caso. A informação que chega é que Claudio Winck e Bruno César foram procurados e que, até o presente momento, somente o lateral aceitou a proposta. Diante disso, ele será reintegrado ao elenco, ficando a disposição do técnico Abel Braga como opção para Yago Pikachu.

O Vasco deve atualmente os salários de dezembro, janeiro e parte do 13º, férias e seis meses de direitos de imagem. Para ser reintegrado, Winck precisou concordar em receber as dívidas do contrato de imagem e o restante de imagem de 2020 somente no ano que vem. As informações foram divulgadas pelo portal de notícias ESPN.

Foto: Rafael Ribeiro

 

Mais lidas da semana