Mídias Sociais

Esporte

Vasco tenta dar fim a incômodo tabu para respirar mais aliviado no Brasileiro

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

Precisando de pontos para evitar o rebaixamento, o Vasco terá um desafio e tanto na próxima rodada, quando irá encarar o Grêmio, adversário tido por muitos como um dos melhores times do Brasil. Para piorar, o confronto será na casa do adversário, onde o Imortal costuma ser ainda mais letal. Para voltar do Rio Grande do Sul com os três pontos, o Cruz-Maltino precisará quebrar um tabu neste Brasileiro. A equipe ainda não conquistou uma vitória sequer fora do Rio de Janeiro na competição.

A volta de vitórias como visitante incomoda a equipe. Mais que isso, ajuda a explicar a colocação da equipe na tabela de classificação. Apesar da reação nas últimas rodadas, o risco de queda ainda é grande e tira o sono de muitos vascaínos. No último sábado, o Cruz-Maltino derrubou uma escrita, ao conquistar a primeira vitória como visitante diante do Fluminense, no Maracanã. O resultado consta como visitante porque o mando de campo era do Tricolor das Laranjeiras.

O retrospecto contra a galera da parte de cima da tabela também preocupa. Até aqui, o Vasco enfrentou as equipes do G-6 em nove jogos, tendo somado apenas duas vitórias, quatro empates e três derrotas, o que corresponde a um aproveitamento de 37% dos pontos disputados.

Diante das circunstâncias da partida, o empate lá não seria considerado um mau resultado. “O desempenho do Grêmio nos últimos anos fala por si só. É um timo muito forte dentro de casa com um ataque excelente. Esperamos uma partida bastante complicada, até porque eles precisam dessa vaga para a Libertadores para salvar o ano. Mas vamos para lá fortes após essa vitória contra o Fluminense. Ela nos fez respirar e começar a sair da parte inferior da tabela. Iremos procurar pontuar, então conquistar um empate não seria ruim”, afirmou o lateral Ramon”, afirmou o lateral-esquerdo Ramon.

Foto: Paulo Fernandes


 

Mais lidas do mês