Mídias Sociais

Esporte

Torcida do Vasco surpreende e adere campanha criada pelo clube

Sérgio Barcellos

Publicado

em

 

A torcida do Vasco deu nesta semana mais uma prova do seu amor pelo clube. Mesmo com a paralisação no futebol, os torcedores seguem engajados no projeto de ajudar a equipe. A prova disso é que o Cruz-Maltino fechou o mês de maio com mais de 48 mil renovações do programa de sócio-torcedor, o Sócio Gigante.

Na última semana, a direção do Vasco chegou a divulgar uma carta onde pedia aos torcedores para não abandonarem o projeto de sócio-torcedor. O pedido foi aceito e mais uma vez a torcida abraçou o clube, agora em um momento difícil ainda mais complicado em meio a pandemia do coronavírus.

Diretor do programa Sócio Gigante, Eduardo Sá exaltou o movimento da torcida. "Como o próprio Vasco da Gama falou na carta enviada aos sócios, em primeiro lugar a preocupação é estar tudo bem com a família dos nossos torcedores e que não lhes falte nada. E em segundo lugar é sempre destacar que o vínculo do torcedor com o clube é eterno, independentemente se é sócio ou não. A gente super entende se nesse momento, devido à pandemia ou a algum impacto econômico proveniente da pandemia, o sócio não consiga fazer a sua renovação", afirmou Eduardo.

A torcida do Vasco já havia feito uma movimentação parecida no fim do ano passado. Na ocasião, a diretoria lançou uma promoção no programa sócio-torcedor e a torcida comprou a ideia. O movimento foi tão grande que em pouco tempo o Vasco alcançou os lugares mais altos no ranking de sócios-torcedores do Brasil. Agora, em mais uma demonstração de força, o Cruz-Maltino fechou o último domingo com mais de 175 mil sócios.

O movimento ganha ainda mais importância no momento atual vivido pelo clube. A diretoria vem encontrando dificuldades para manter as contas em dia, principalmente o pagamento de salários. A situação ficou ainda pior com a chegada do coronavírus e a paralisação no futebol. Sem a receita de bilheteria, o clube recorreu a outras ações para levantar recursos. Uma delas foi o programa de sócio-torcedor. Com a renda gerada pelo programa, a direção consegue manter a engrenagem girando.

Foto: Rafael Ribeiro

Mais lidas da semana